sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Deus e religião: está tudo na nossa mente

Diamantino Penida

A ciência nunca poderá provar ou refutar a existência de Deus ou um de Poder Superior. Afinal não é este o elemento essencial da fé? Uma fé que não precisa de provas?
Mas talvez a prova sempre esteve nos nossos cérebros.
As nossas percepções, emoções e reações ao mundo que nos rodeia começam no nascimento e modelam as nossas atitudes e as nossas interações ao longo da nossa vida e, através delas, sabemos em quem confiar, o que esperar e como lidar com as coisas. A formação das crenças envolve diversas áreas do cérebro. Embora os mecanismos exatos não possam ser bem definidos, os cientistas sabem que o nascimento de crenças causa alterações fisiológicas no cérebro.
Com efeito, como vivemos a experiência da Fé se não através do nosso cérebro? O nosso cérebro processa todas as experiências que vivemos – sensoriais, somáticas, emocionais e metafísicas. O cérebro tem de processar e interpretar as nossas experiências com as nossas crenças, as nossas emoções e encontros anteriores, com a sua estrutura física e química.
Um aumento da atividade na parte anterior do cérebro foi observada em monges budistas tibetanos enquanto meditavam e em freiras enquanto rezavam. No entanto, foi visto nos monges e nas freiras, que esta parte do cérebro aumenta a sua atividade também durante as tarefas que requerem atenção. A questão interessante é saber se os seus cérebros foram alterados pela prática espiritual ou se são mais suscetíveis, desde o início, às forte experiências religiosas.
É sabido que os lóbulos temporais estão envolvidos nas experiências religiosas e espirituais: a amígdala e o hipocampo estão envolvidos nas visões místicas e nas emoções religiosas. Isto traz à mente uma possível ligação entre os transtornos mentais e as experiências sobrenaturais. Por exemplo, alguns pacientes durante as crises, especialmente nos casos de epilepsia do lobo temporal, dizem que tiveram premonições e visões religiosas pouco antes ou logo após a crise. Estas descobertas científicas mostram que há um mecanismo neural subjacente as experiências religiosas?
O cérebro parece predisposto a acreditar em todas as coisas espirituais. Os cientistas foram capazes de induzir, em alguns voluntários, experiências e sensações religiosas através da aplicação de um campo magnético sobre os lobos temporais e através da administração de alucinógenos.
Além de mais a religião é uma característica hereditária. Os estudos sobre gêmeos indicam que a intensidade religiosa está, pelo menos em parte, ligada à genética. Podemos experimentar os mesmos sentimentos seja por práticas religiosas seja por parte das drogas? O nosso cérebro está inclinado para a religião qualquer que seja a experiência ou o background de uma pessoa?
As crenças, as experiências e as práticas religiosas e o papel que desempenham nas nossas vidas não são facilmente definidas. Ao longo da história humana, temos tentado definições, a estrutura, a clareza e a paz. E encontramos tudo isso na religião. É, portanto, a religião apenas um subproduto da evolução que nos permite lidar com os problemas da vida ou o nosso cérebro foi criado por uma Entidade Superior para fazer-nos apreciar as coisas do mundo em toda a sua beleza espiritual?
Nunca me aconteceu de escrever tantas perguntas, mas neste caso também não estou tão convencido de querer saber todas as respostas.

Fonte: Blog Irreligiosos

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Se a evolução é real, por que nenhum chimpanzé evoluiu até ser como nós?

Autor: Homero Ottoni Jr (*)

Muitas perguntas/desafio de descrentes da evolução apresentam claras lacunas de conhecimento em relação ao que é e ao que não é a evolução. A pergunta/desafio acima, título deste artigo, é uma das mais repetidas, encontrada em quase todo artigo sobre a evolução, nos “comentários” dos leitores.
Esse engano sobre chimpanzés e seres humanos poderia ser desfeito com alguma leitura sobre o assunto e vou tentar resumir aqui a resposta a esta pergunta/desafio.
Primeiro, para que símios como o chimpanzé ou gorila evoluíssem para uma nova espécie, seriam necessários os mesmos milhões de anos que foram necessários para nós. O que significa que nenhum primata poderia “evoluir” para outra espécie. Espécies evoluem, não indivíduos. Nenhum chimpanzé poderia “evoluir” até um ser humano, como nenhuma zebra poderia “evoluir” até um cavalo.
A pergunta/desafio, portanto, está errada. O que ela deveria perguntar (se é que deveria perguntar alguma coisa) é porque os ancestrais destes primatas, como os do chimpanzé, não evoluíram em nossa direção.
A resposta é: porque não há direção.

“Poderiam ser Neandertais a perguntar o que aconteceu com os Homo sapiens que desapareceram no passado”
Os ancestrais dos chimpanzés não “queriam” ser chimpanzés ou Homo sapiens, eles apenas responderam às pressões do meio ambiente. Em nosso caso, as pressões levaram a cérebros grandes e ao andar ereto, enquanto a pressão do ambiente dos chimpanzés os levou a ser o que são hoje.
Mas isso não é tudo. Outros símios, de outras espécies, evoluíram de forma parecida, inclusive com desenvolvimento de algumas características como as do Homo sapiens: inteligência, caminhar ereto, sociedades, etc. Neandertais, por exemplo, existiram ao mesmo tempo em que Homo sapiens; Australopitecus Robustos, ao mesmo tempo em que Australopitecus Afarensis; e algumas outras espécies que conhecemos através dos fósseis.
Ou seja, não somos os únicos. Não fosse o resultado contingente da evolução, poderiam ser Neandertais a perguntar o que aconteceu com os Homo sapiens que desapareceram no passado.
A resposta ao questionamento da pergunta/desafio pode ser vista em diversas famílias de animais. Existem golfinhos, baleias, orcas, belugas, narvais, etc. Todos descendentes de um ancestral em comum, que voltou da terra para a água.
Porque todos eles não se tornaram baleias? Ou golfinhos? Porque as pressões do ambiente variam, a disputa pela vida é intensa e rigorosa. Qualquer grupo que descubra e se adapte a outro ambiente poderá ter alguma vantagem e, ao fim, transformar-se em outra espécie. É por isso que os golfinhos são pequenos e se alimentam de cardumes de superfície, enquanto cachalotes tornaram-se gigantes e se alimentam de lulas igualmente gigantes, a profundidades abissais (que nenhum outro mamífero pode atingir).

“A evolução é cega e contingente”
Mesmo que as pressões ambientais se modificassem e pressionassem chimpanzés a evoluir em nossa direção (dando vantagens a cérebros maiores e ao andar ereto, por exemplo), seriam necessários milhões de anos até que surgisse uma nova espécie. E, ainda assim, ela não seria “humana” e nem mesmo poderíamos saber em que se transformariam. Não há direção.
A pergunta/desafio parece cometer o “engano” recorrente de considerar a evolução como um progresso, onde seres humanos (ou a inteligência) são o ápice, o objetivo a ser atingido. Isso acontece até mesmo com pessoas que acreditam na evolução e no antepassado em comum, mas torna-se fundamental para aqueles que defendem uma divindade maluca que cria tudo, do nada.
Entretanto, a evolução é cega e contingente. Ela segue as pressões do ambiente, pressões não intencionais e variáveis. Hoje mais quente, amanhã mais frio. Hoje um continente único, amanhã placas tectônicas que se separam.
Portanto, não há nenhum motivo para que símios evoluam em nossa direção, ou para que se tornem humanos. Chimpanzés são tão evoluídos quanto os seres humanos, pois existem há tanto tempo quanto, e evoluíram de ancestrais em comum.
Na verdade, todos os seres vivos são tão evoluídos quanto nós. Um pássaro, um réptil, uma bactéria ou um gorila evoluíram tanto quanto nós e se adaptaram tão bem ao ambiente quanto nós.
Repetindo, para responder claramente a pergunta/desafio, não há nenhuma razão para esperar que chimpanzés ou qualquer outro símio evolua ou tenha evoluído como nós, da mesma forma como não há nenhuma razão, biológica ou não, para esperar que a zebra “evolua” para se tornar um cavalo, ou um cavalo “evolua” para se tornar uma zebra. Ambos evoluíram para onde as pressões de seu ambiente os levaram, e apenas isso.

“Andar ereto foi a primeira mudança importante, que apresentava vantagens na savana”
Quem apresenta essa pergunta/desafio são pessoas que, em geral, consideram os seres humanos “melhores” do que os chimpanzés. Somos, na visão delas, “especiais”. Somos criaturas divinas, filhas de uma divindade superpoderosa. Por isso, acreditam que os chipanzés, caso pudessem “escolher”, optariam, sem vacilar, por se tornarem humanos. Consideram que somos mais evoluídos do que eles e – apelando ao conceito errôneo de “progresso” – que a evolução segue um objetivo supremo: formar seres inteligentes, “sapiens” e, de resto, com polegares opositores que lhes permitam segurar e folhear a Bíblia.
Nossos ancestrais, e os ancestrais de algumas outras espécies que já não existem (a competição na natureza é violenta, e dificilmente um mesmo nicho ecológico suporta duas espécies competindo por muito tempo) surgiram na mudança violenta do clima, que quase extinguiu as florestas – habitats de símios como o chimpanzé, gorilas e orangotangos – e criou as extensas savanas africanas.
Nesse novo ambiente, nossos antepassados tiveram de adaptar características já pré-existentes (exo-adaptação, um trunfo da evolução). Andar ereto foi a primeira mudança importante, que apresentava vantagens na savana: o calor e o Sol tinham menor área de atuação, a visão de predadores melhorou, o caminhar permitia que se atingisse pontos mais distantes, etc.
Pensemos no cenário: o que antes era uma África totalmente tomada de florestas tropicais, agora possui bosques e pequenas florestas esparsas, separadas por longos trechos de savana. O tempo passa, as savanas crescem e as florestas diminuem. Nossos antepassados, que antes viviam confortavelmente nas florestas gigantescas, agora têm que atravessar as savanas para encontrar alimento.

“O Homo Sapiens é um caminhante poderoso, um corredor elegante e rápido”
Qualquer individuo que tenha mudanças em seu biótipo, por mínimas que sejam, mas que dêem a ele alguma vantagem nessa travessia, terá melhores chances de sucesso em sua vida e deixará mais descendentes, para os quais transmitirá essa vantagem. Com o passar do tempo (muito tempo, centenas de milhares de anos), teremos indivíduos que andam em pé e transitam mais na savana do que na floresta (qualquer indivíduo que tenha conseguido encontrar alimento na savana, durante as longas travessias, terá mais vantagens adaptativas).
Enquanto isso, ancestrais de outros grupos, vivendo em áreas onde as florestas não foram tão afetadas e, portanto, onde as savanas não vingaram, evoluíram em outra direção, adaptando-se cada vez mais às florestas.
Um adendo sobre alguns mitos sobre nossa espécie. O senso comum considera-nos seres frágeis, fracos e lentos, devido à natural diminuição das exigências de sobrevivência em nossa civilização tecnológica. Nada mais enganoso. Nossos ancestrais – e mesmo nós, atualmente – foram excelentes em diversas habilidades de sobrevivência. O Homo Sapiens é um caminhante poderoso, um corredor elegante e rápido, uma espécie perfeitamente adaptada à vida na savana. Basta ver um chimpanzé “tentando” correr e compará-lo a um humano disputando os 100 metros rasos.
Claro que não somos bons em árvores e um orangotango é um especialista nesse ambiente, mas em uma corrida, de qualquer distância, nós vencemos qualquer primata. E em longas distâncias, vencemos até mesmo outros animais, como cavalos ou guepardos (podemos correr e caminhar por distâncias que matariam um guepardo ou mesmo um leão).

“Andamos pelo mundo e povoamos mais territórios do que qualquer outra espécie”
Outra modificação significativa foi o cérebro grande, evoluído da habilidade manual primata, associada ao efeito colateral de andar em pé. Nossa visão de predador e coletor de frutas (por isso enxergamos colorido), o andar em pé e o cérebro grande, tornou-nos especialistas no ambiente pós-glaciação.
Andamos pelo mundo e povoamos mais territórios do que qualquer outra espécie. Atingimos a África, a Ásia, a Europa e até a América do Norte e do Sul. E isso, muito antes de termos uma civilização tecnológica avançada!
E os antepassados dos gorilas e chimpanzés, onde estavam nessa época? Estavam onde o ambiente havia mudado em outra direção ou onde existiam as pressões evolutivas originais, frente às quais o modo de vida arbóreo e florestal ainda era uma vantagem. Assim, eles evoluíram para adaptarem-se cada vez mais a esse ambiente já conhecido. E, como previsto pela Teoria da Evolução, se o ambiente não muda muito, as pressões seletivas e a espécie também não mudam muito. Ela se especializa.
Espero que esta breve exposição (bem, eu tentei ser breve, mas o volume de dados e informação sobre o assunto é gigantesco) tenha ajudado a esclarecer e a responder a pergunta/desafio (uma entre muitas, baseadas na falta de informação e em erros conceituais).
Não penso que a explicação acima mude a forma de pensar de quem apresenta a pergunta/desafio “por que chimpanzés não evoluíram para seres humanos”. Esta é apenas uma forma de defesa de crenças religiosas. Provavelmente, a maior parte dos que usam a pergunta/desafio apenas mudaria rapidamente de direção, levantando qualquer outra aparente contradição da Teoria da Evolução, escolhida entre as muitas que povoam a mitologia religiosa e o discurso antievolucionista. Mas, ao mostrar que existem explicações satisfatórias, podemos esclarecer aqueles que realmente desejam conhecer e entender as respostas da Ciência.
**************************
(*) Colaborador do Bule, Homero Ottoni é programador de computadores. Cursou dois anos de Medicina, quatro anos de Direito e atualmente está na faculdade de Computação.
Fonte: Blog Bule Voador

A pedagogia do grande irmão platinado

Por Elaine Tavares *


Outro dia li um artigo de alguém criticando o que chamava de pseudo-esquerda que fica falando mal do BBB, mas que também dá sua espiadinha. E também li outras coisas de pessoas falando sobre o quanto há de baixaria no "show de realidade” da Globo. Fiquei por aí a matutar. E fui observar um pouco deste zoológico humano que a platinada oferece na suas noites. Agora é importante salientar que a gente nem precisa assistir para saber tudo o que se passa. É só estar vivo para saber. As notícias estão no jornal, no ônibus, no elevador, em todos os lugares. Então esse papo de que quem critica é hipócrita porque também vê não tem qualquer sentido. As coisas da indústria cultural nos são impostas de forma quase que totalitária. É praticamente impossível fugir destes saberes. Mesmo no terminal, esperando o ônibus, lá está o anúncio luminoso onde buscamos o horário do busão, dando as "notícias” dos broders. É invasivo e feroz.

Mas enfim, sou um bicho televisivo, e gosto de ficar feito uma couve em frente ao aparelho de TV analisando o que é que anda engravidando as gentes deste grande país que se alfabetiza por esta janelinha. Lá fiquei acompanhando alguns episódios do triste programa. Deveras, me causa espécie. Mas não falo pelo quê de promíscuo ou imoral possa ter o "show”, já que coisas do tipo que se vêem ali também são possíveis de ver na novela, nos filmes, etc... O que me apavora é capacidade de ser tão perverso e desestruturador de consciências. Está bem, as pessoas estão ali porque querem, elas mandam vídeos, se oferecem, morrem até para estar naquela casa, em busca do que pensar ser seu lugar ao sol. Mas, ainda assim, é perverso demais o que os "inventores” fazem com aquelas tristes criaturas.

Sempre pensei que a coisa nunca poderia ficar pior. Mas fica. Cada ano a violência fica maior. E o que me espanta é que não há gente a gritar contra isso. Agora inventaram a figura de um sabotador. Pois já não bastava colocar a possibilidade concreta de alguém (o espectador) eliminar outro (o broder "????”), o que, obviamente inaugura uma possibilidade por demais perversa de se apertar um botão e destruir o sonho de alguém, com requintes de crueldade. Uma coisa de uma maldade abissal. Então, o tal do sabotador é uma pessoa, do grupo, que precisa sabotar os seus companheiros para poder se safar. Inaugura-se assim mais uma instância da estúpida violência, a qual é parte intrínseca do "show”. Vi a cara do rapazinho. Estava em completo desespero. Precisava sabotar seus amigos. E o fez. Em nome do milhão.

Depois, um outro, ao atender ao telefone que sempre ordena uma sequência de maldades, obrigou-se a mandar sua colega para uma solitária, coisa que, nas cadeias, é motivo de grandes lutas dos grupos de direitos humanos. O garoto disse o nome da sentenciada, e seu rosto se cobriu de desespero. No dia em que ela saiu do castigo, enquanto os demais a abraçavam, ele se deixava cair, escorregando pela parede, chorando. Sabia, é claro, que aquela ação o colocava na mira da outra e na condição de um desgraçado que entrega seus colegas.

E assim vai o "grande irmão” propondo maldades e violências aos pobres sujeitos que ali entram em busca de um espaço na grande vitrine da vida. Confesso que a mim pouco se me dá se são homossexuais, trans, bi, héteros tarados, loucas, putas ou santas. Cada uma daquelas criaturas que ali estão quebrando todas as regras da ética do bem viver são pobres seres humanos, perdidos num mundo que exige da juventude bunda, músculo, peito e cabeça vazia. Não são eles os "imorais”. São vítimas. Querem mais do que as migalhas do banquete. Querem pegar com as unhas a promessa que o sistema capitalista traz na sua pedagogia da sedução: "‘qualquer um pode neste mundo livre”.

Tampouco me surpreende que um jornalista como Pedro Bial, dono de um texto refinado, esteja cumprindo o triste papel de fomentar a perda de todo o sentido ético que um ser humano pode ter. Ele, também buscando vencer nesse mundo que o capitalismo aponta como o melhor possível, fez a sua escolha. Optou por ser um sacerdote destes tempos vis. Um sacerdote muito bem pago.

O que me entristece é saber que essa pedagogia capitalista seguirá se fazendo todos os dias nas casas das gentes, que muitas vezes assistem ao programa porque simplesmente não têm outra opção. O melhor sinal é o da platinada. Pega em qualquer lugar deste grande país. Há os que vêem e nem gostam, mas ocorre que estas "lições” em que se eliminam pessoas, em que se traem os amigos, em que vale tudo, passam meio que por osmose. É a lavagem cerebral. É a violência extrema sendo praticada entre risos e apupos de "meus heróis”. Tudo pela "plata”.

Enquanto isso, como bem já levantaram alguns blogueiros, a Globo, junto com as companhias telefônicas, lucra rios de dinheiro com as ligações que as pessoas fazem para eliminar os "irmãos”. É galera, brother quer dizer irmão em inglês. E olha só o que se faz com um irmão? Essa é a "ética”. Os empresários globais lambem seus bigodes.

Então, fazer a crítica a esse perverso programa não é coisa de pseudo-esquerda. Deve ser obrigação de qualquer um que pensa o país. A questão do "grande irmão” não é moral. É ética. Trata-se da consolidação, via repetição, de uma pedagogia, típica do capitalismo, que pretender cristalizar como verdade que para que um seja feliz, outro tenha que ser "eliminado”. O show da Globo é uma violência explícita, cruel, nefanda, sinistra e miserável. É coisa ruim, malcheirosa. Penso que há outras formas de a gente se divertir, sem que para isso alguém tenha de se ferrar! Até mesmo os mais importantes cientistas mundiais já alardearam a verdade inconteste: vence quem coopera. Onde as pessoas, juntas, buscam o bem viver, ele vem...


* Elaine Tavares é jornalista

Fonte: site Adital/ Blog Observadores Sociais

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

“Balneário” Açude Grande

Adriano Couto

Todo verão é a mesma coisa, surgem denúncias e mais denúncias de pessoas que tornaram o nosso manancial em balneário, camping ou algo desta natureza! Isto é um absurdo! Ridículo! Somente gente tosca, medíocre, é capaz de banhar-se neste local, sabendo que vai beber desta mesma água posteriormente.

Imagina a criatura tomando banho, faz um xixi na água, ou se da uma dor de barriga no individuo, ou senão o cara foi com namorada dá uma “banda” no matinho e depois volta e lava as partes íntimas na água, depois na tua casa, tu pega a água para fazer comida ou botar na geladeira para tomar depois bem geladinha, tu tomaria esta água? Você que está lendo este texto deve ter ficado com nojo com certeza, mas infelizmente é o que acontece e o pior é que pagamos muito caro por esta água e de muito má qualidade. Ta certo que a água é tratada, mas mesmo assim ela pode ter um alto índice de coliformes fecais que podem causar muitas doenças, quem tem dinheiro compra água mineral para tomar, e o povão?

A Corsan como responsável pelo local deveria colocar um vigilante no local ou planejar alguma forma de coibir os banhos no Açude Grande, que é um verdadeiro desrespeito a comunidade butiaense.

Como estatal, a Corsan não deveria visar somente o lucro, mas sim prestar um serviço de qualidade, a água é muito cara, tem um gosto horrível, quando a mesmo não deveria ter gosto, cheiro e nem cor, tem muito cloro, quando estoura um cano na tua rua, leva muito tempo para mandar os operários irem consertar, enquanto desperdiçam-se muitos metros cúbicos de água potável, quando a mesma está se tornando cada vez mais escassa, chegará o tempo que haverá guerras por causa dela, valerá mais do que o petróleo, será uma espécie de ouro líquido. Realmente a instituição deixa muito a desejar e, além disso, parecem não se importar com a comunidade butiaenses que todo ano clama por solução quanto à questão dos banhos e a mesma pouco faz para resolver este problema, porém não esquecem de todo mês deixarem a fatura na caixinha do correio.

Também a Corsan não pode levar toda a culpa, é óbvio que este transtorno todo é causado por alguns “veranistas” butiaenses que gostam do “contato com a natureza” e acham que o Açude Grande é o local ideal para banho e camping. Isto é questão de cultura, ou melhor, falta dela, só alguém com déficit de inteligência e com qualquer coisa na cabeça, exceto cérebro é que pode tomar banho lá.

Este assunto é sério, é questão de saúde pública, se um dia você leitor estiver passando pelo local ou souber de alguém que está “desfrutando” do manancial, DENUNCIE! Avise imediatamente a Brigada Militar através dos telefones 190 ou 3652 1124.

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

60 perguntas que farão de você um Ateu

•Se Deus nos ama tanto e quer que estejamos com ele, por que ele poria nossas almas em risco ao deixar a difusão de sua palavra a cargo de seres humanos falíveis, mentirosos e pecadores? Será que um professor deixaria um dos alunos assumir seu lugar se isto pusesse em risco o futuro da classe?
•Se Satanás é o Pai da Mentira, como podemos ter certeza de que ele não enganou os cristãos e fez com que eles o adorassem como deus e rejeitassem o verdadeiro deus?
•Se Deus lançou o Diabo no inferno e o inferno é um lugar de castigo eterno, sem perdão, por que nos ensinam que o Diabo anda por aí nos tentando e nos possuindo? Um carcerário que deixa seus prisioneiros saírem para matar e roubar seria demitido por incompetência.
•Se Satanás consegue entrar até nas igrejas e fazer com que as pessoas tenham pensamentos impuros durante os cultos, como os cristãos podem ter tanta certeza de que ele não influenciou a redação e a composição da Bíblia segundo seus interesses?
•Deus pensa? Por que um ser que já sabe de tudo precisaria pensar?
•Se o Universo está em todo lugar por definição, por que é que tem gente que vive perguntando “de onde veio o Universo”? Ele não pode vir dele mesmo… ou pode?
•Se Deus é onisciente, como ele poderia ter se arrependido de sua criação?
•Se a alma é imaterial e o corpo é material, como é que a alma fica ligada ao nosso corpo?
•Por que Deus mandou o dilúvio para eliminar o mal da Terra? Não funcionou! O mal voltou logo em seguida. Deus já deveria saber que isto iria acontecer, então por que ele se deu ao trabalho?
•Se Deus é imutável, porque ele precisou “mudar as regras” enviando-se Jesus na Terra?
•Por que um deus todo-poderoso teve que se tornar carne para poder se sacrificar em seu próprio nome, de modo a livrar sua criação de sua própria ira? Será que Deus, em sua sabedoria infinita, não teria uma solução menos primitiva?
•Se tudo é “parte do plano de Deus”, como dizem os crentes, então Deus planejou todas as desgraças, todas as catástrofes e todos os nossos pecados e não precisamos sentir culpa por nada nem fazer nada para corrigir as coisas.
•Porque os teístas dizem que eu preciso vasculhar todos os lugares do universo e não achá-lo para dizer que Deus não existe, se eu só precisaria não encontrá-lo em apenas um lugar, visto que é onipresente?
•Se Deus não é a causa da confusão, o que dizer da Torre de Babel?
•Cristãos dizem que se um bebê morrer, ele vai para o céu. Por quê então são tão contrários ao aborto, se isso privaria todas as crianças de irem para o Inferno?
•Como Deus pode ter emoções (ciúme, raiva, tristeza, amor…) se ele é onipotente, onisciente e onipresente? Emoções são uma reação, mas como Deus pode reagir a algo que ele já sabia que iria acontecer e até planejou?
•Deus nunca me deu os brinquedos que pedi quando criança, mas, se eu pedir para ir para o inferno, será que ele vai me atender?
•O verdadeiro islamita não deve fazer nada que Maomé não tenha feito. Houve até uma discussão sobre se islamitas poderiam comer mangas. O que, então, estavam aqueles fundamentalistas fazendo naqueles aviões?
•Por que Deus permite que uma criança nasça se ele já sabe que ela vai para o inferno? Onde está seu amor infinito?
•Como podemos ser felizes no céu sabendo que pessoas que amamos estão sofrendo no inferno? Um crente me disse que as memórias que temos dos entes queridos são apagadas para não sofrermos no céu. Mas se perdemos nossa memória, não deixamos de ser nós mesmo?
•Muitas pessoas acreditam em fantasmas. Então porque as pessoas só vêem fantasmas de pessoas ou bichos de estimação mortos? Porque não Neanderthais ou dinossauros? Não haveria um baita fantasma de um brontossauro para quem pudesse ver?
•Por que Deus abriu o Mar Vermelho para que Moisés tirasse os judeus do Egito mas não abriu os portões dos campos de concentração?
•Por que dizem que temos livre arbítrio se só há duas opções: seguir a Deus e ir para o céu ou desobedecer e ir para o inferno?
•Em Isaías 40:28 diz “Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o SENHOR, o Criador dos fins da terra, nem se cansa, nem se fatiga?”. Então como é que os católicos dizem que Deus descansou no sétimo dia no Gênesis?
•Adão e Eva tinham umbigos?
•Judeus tradicionais dizem que o nome de Deus é impronunciável e por isso o chamam de Javé ou JHVH. Como é que então alguém pode ser acusado de falar seu nome em vão se ninguém sabe qual é?
•Por que Deus é do sexo masculino?
•Se você nasce retardado, sua alma também é retardada? E se você fica retardado depois de velho?
•Se o homem é feito à imagem de Deus, então Deus tem pênis?
•Por que precisamos rezar se Deus já sabe de tudo o que vamos dizer e do que precisamos? Será que ele gosta que nos humilhemos diante dele?
•Por que danos ao cérebro podem mudar nossa personalidade se nossa essência está na alma?
•Cristãos adoram dizer o quanto Jesus se sacrificou por nós. Mas se ele era Deus, então como ele não sabia que em 3 dias estaria no céu para nos governar? Se ele está lá e vivo, o que exatamente ele sacrificou?
•Se o design de Deus é tão inteligente, porque os homens possuem mamilos?
•Como Adão e Eva podiam saber que era errado comer da Fruta do Conhecimento se só ao comê-la saberiam o que era bom e mal, certo e errado?
•Se Deus detesta tanto o prepúcio que manda que os homens sejam circuncidados, por que ele os criou assim?
•Como podemos ofender a Deus se não é possível surpreendê-lo?
•Se a reencarnação é real, porque é que a população mundial continua crescendo? De onde vem todas essas almas novas?
•Em 1 Coríntios 15:50 diz “Isto afirmo, irmãos, que a carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção”. Como Jesus pôde então ascender ao reino de Deus se ele mesmo é carne e sangue?
•Por que Deus criou o Mal (Isaías 45:6-7) se ele não quer que o pratiquemos? Por ele cria as pessoas que já sabem vão para o inferno?
•Se algum dia houver transplantes de cérebro, a alma irá junto com ele?
•Por nós já não nascemos sabendo tudo sobre Deus, por que temos que descobrir qual é a religião certa e ainda decifrar seus enigmas?
•Por que a genealogia de Jesus passa por José se ele não era seu pai? E por que há duas genealogias diferentes, já a partir do pai de José?
•Por que quase todas as descrições de Deus equivalem à não-existência (incorpóreo, imaterial, incompreensível, invisível, imperceptível etc.) ?
•Por que Deus não aparece a todo mundo e nos convence de sua existência? Por que ele só se revela de maneira tão duvidosa e tão obscura?
•De acordo com Mateus 5:17, Jesus não veio abolir a Lei e os profetas, apenas completá-los, e que nem uma vírgula deverá ser alterada enquanto existirem céu e terra. Como Jesus ainda não voltou, a Lei ainda está valendo, portanto, por que não saímos por aí queimando bruxas, apedrejando adúlteras e crianças desobedientes, matando homossexuais, excluindo gente que trabalha aos sábados (enfermeiras, médicos etc.), aspergindo sangue nos altares, arrancando a cabeça de passarinhos e sacrificando pessoas a Deus (Levítico 27:28) ?
•Se os crentes aceitam que Deus sempre existiu, por que eles não aceitam que o universo sempre existiu?
•Que deus de infinito amor aceitaria sacrifícios humanos, inclusive de seu próprio filho e dos filhos de suas criaturas?
•Se Jesus era Deus em forma humana, ele morreu para nos salvar dele mesmo?
•Se os cristãos dizem que não podemos afirmar que as ações de Deus são más porque ele tem um plano divino e, sendo Deus, está fora de nossa compreensão, então também não podemos afirmar que Deus é bom. Deus seria amoral? Se a moral é algo subjetivo, que varia conforme a época e a cultura, como podemos definir se Deus é bom ou mau?
•Por que Deus criaria gente que não acredita nele e depois os puniria por ser aquilo que ele os fez?
•O que é o “plano de Deus”? Um deus onipotente e onisciente não precisa planejar nada. Isto é coisa de criaturas limitadas, que não conhecem o futuro. Se Deus tem um plano, então ele é limitado como nós.
•Por que precisamos de um corpo se nossas almas podem fazer tudo o que fazemos e até melhor?
•Se Jesus não era filho de José, porque sua árvore genealógica nos evangelhos é traçada até ele?
•Como pode um deus de infinito amor e misericórdia assistir a bilhões de seus filhos queimar por toda a eternidade?
•Como Deus julga os que viveram antes de a Bíblia ser escrita?
•Como é possível que uma alma queime? Elas não são entidades espirituais? Seria um “fogo espiritual”? Para que Deus se daria todo este trabalho para torturar seus filhos queridos? Como é possível acreditar em que Deus seja tão bárbaro que só se acalma com a morte e a tortura dos que o contrariaram?
•Se tudo faz parte do plano de Deus, que diferença faz rezar ou não?
•Por que Deus permite que crianças nasçam só para morrer logo em seguida?
•Por que Deus não proibiu Adão e Eva de comer da outra árvore mágica?
•Porque Deus possui quase todas as características de algo que não existe? Por exemplo: imaterial, incorpóreo, incompreensível, invisível, inexplendorável, etc…

Autor: The Infidel Guy
Tradutores: Fernando Silva e Alenônimo


Fonte: Blog Ateu,graças a Deus!

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Neoliberalismo - a cara do capitalismo contemporâneo - e pós neoliberalismo

O capitalismo passou por várias fases na sua história. Como reação à crise de 1929, fechou-se o período de hegemonia liberal, sucedido por aquele do predomínio do modelo keynesiano ou regulador. A crise deste levou ao renascimento do liberalismo, sob nova roupagem que, por isso, se auto denominou de neoliberalismo.

Este impôs uma desregulamentação geral na economia, com o argumento de que a economia havia deixado de crescer pelo excesso de normas, que frearia a capacidade do capital de investir. Desregulamentar é privatizar, é abrir os mercados nacionais à economia mundial, é promover o Estado mínimo, diminuindo os investimentos em politicas sociais, em favor do mercado, é impor a precariedade nas relações de trabalho.

A desregulamentação levou a uma gigantesca transferência de capitais do setor produtivo ao especulativo porque, livre de travas, o capital se dirigiu para o setor onde tem mais lucros, com maios liquidez e menos tributação: o setor financeiro. Porque o capital não está feito para produzir, mas para acumular. Se pode acumular mais na especulação, se dirige para esse setor, que foi o que aconteceu em escala mundial.

O modelo neoliberal se tornou hegemônico em escala mundial, impondo as politicas de livre comércio, de Estados mínimos, de globalização do mercado de trabalho para os investimentos, entre outros aspectos. É uma nova fase do capitalismo, como foram as fases de hegemonia liberal e keynesiana. Não se pode dizer que seja a última, porque um sistema sempre encontra formas – mesmo que aprofundem suas contradições - se outro sistema não surge como alternativa, com a força correspondente para superá-lo.
Mas é uma fase difícil de ser superada, porque a desregulação tem muitas dificuldades para ser superada. Mesmo com a crise atual afetando diretamente os países do centro do capitalismo, provocada pela fata de regulação do sistema financeiro, ainda assim pouco ou quase nada foi feito para o controle do capital financeiro, justamente a origem da crise. Como já se disse: Obama salvou os bancos, achando que os bancos salvariam a economia dos EUA. Mas os bancos se salvaram às custas da economia norteamericana, que segue em crise.

É difícil para o capitalismo desembaraçar-se do neoliberalismo, etapa que marca o final de um ciclo desse sistema. A discussão que se coloca é de se o modelo chinês representa vida útil e inteligência mais além do neoliberalismo ou do capitalismo. Se sua via de mercado se vale do mercado para superar o capitalismo ou se o mercado o vincula de obrigatória e estreita ao capitalismo.

O certo é que ser de esquerda hoje é de lutar contra o neoliberalismo, não apenas resistindo a ele, mas sobretudo construindo alternativas a este modelo, allternativas que projetem para além do capitalismo. O neoliberalismo promove um brutal processo de mercantilização das coisas e das relações sociais. Tudo passa a ter preço, tudo pode ser compra e vendido, tudo é reduzido a mercadoria, em um processo que tem no shopping center sua utopia.

Nesse caso, lutar pela superação do neoliberalismo é desmercantilizar, restabelecer e generalizar os direitos como acesso a bens e serviços, ao invés da luta selvagem no mercado, de todos contra todos, para obtê-los às expensas dos outros. Generalizar a condição do cidadão às expensas da generalização do consumidor. Do sujeito de direitos e não do dono de poder aquisitivo.

Quanto mais se desmercantilizar, quanto mais se afirmar os direitos de todos, mais se estará criando esfera pública, às expensas da esfera mercantil (que eles chamam de privada). Essa pode ser a via de passagem do neoliberalismo como estágio do capitalismo à sua superação, a uma era pós-capitalista. Mas hoje o que nos une a todos é a luta por distintas formas de pós neoliberalismo - pela universailização dos direitos, pela extensão da cidadania em todas suas formas – politica, econômica, social, cultural -, pelo triunfo do Estado social contra o Estado mínimo, da esfera pública contra a esfera mercantil.


Emir Sader


Fonte: Blog Com Texto Livre

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Quando a religião é um agente causador de infelicidade

Adriano Couto

Primeiro é importante salientar que não é a crença em Deus em si que é prejudicial, mas a religião, que criou dogmas e verdades que muitas vezes atrapalham a vida humana até os dias de hoje.

A maioria acredita que só pode ser feliz, bom, ético e ter moral se crer em Deus e ter religião. Não é verdade. Assim como existem religiosos e ateus felizes e que procuram ser bons e éticos, há religiosos e ateus infelizes e que não se preocupam em cometer maldades. A crença religiosa não é condição básica para alguém ser feliz e bom.

Certamente a fé religiosa tem muitos méritos: consolar, dar ânimo para enfrentar as adversidades, tornar alguém rude em uma pessoa mais generosa e etc.

Muitas pessoas, no entanto, enfrentam a vida com destemor e praticam o bem “apesar” de serem atéias ou não terem religião.

A religião começa ser um obstáculo ao nosso bem estar quando ela determina de que modo devemos viver, impondo regras de comportamento, e ditando quem merece viver ou morrer, quem merece o céu e quem deve ir para o inferno. A religião começa a ser perigosa quando incentiva pessoas a matar em nome do seu deus, quando persegue todos os que não fazem parte da sua crença, quando impõe obstáculos à ciência, enfim, quando baseia sua moral em livros chamados “sagrados”.

Os últimos achados arqueológicos comprovam que a Bíblia contém gritantes erros históricos, e está recheada de lendas e mitos, e que foi escrita, sobretudo com interesses de propaganda religiosas para validar a crença de que Deus havia escolhido o povo judeu como guia da humanidade (uma visão antiga já seguida por mesopotâmicos, egípcios, gregos, etc, que também no auge das suas civilizações pensavam ser preferidos de um deus).

Portanto os escritores bíblicos não foram orientados por uma voz divina, mas por sacerdotes baseados em lendas, folclore, mitologias e inclusive fatos históricos, que foram devidamente alterados e deturpados para se encaixar ao que desejavam os integrantes do clero judaico, e mais tarde, ao cristianismo, a religião que sobreveio ao judaísmo.

Veremos agora quais são esses obstáculos criados pela religião que tanto atrapalham a felicidade humana, como foram criados e com que objetivos.

a)Inferno

A maioria das sociedades tem em sua tradição religiosa a crença na vida após a morte. Onde uns são premiados e outros castigados.

Os antigos sacerdotes mesopotâmicos já alertavam o povo que se não fossem obedientes, não seguissem seus deuses, padeceriam em tormentos no outro lado da vida. Os egípcios também acreditavam que os maus seriam devorados por um deus terrível, com forma de leão e hipopótamo. Os gregos diziam que os maus entrariam no tártaro, lugar de terrível sofrimento. O judaísmo ensinava que todos (bons e maus) iriam para o sheol (embaixo da terra) lugar de inconsciência, portanto sem alegria nem sofrimento.

Opinião geral dos estudiosos não comprometidos com religião e mesmo de muitos teólogos modernos, é que o inferno é uma ficção, uma arma usada pelos antigos sacerdotes para manter o povo quieto e obediente. Uma forma de tornar a classe sacerdotal poderosa, pois com medo de uma futura punição no além túmulo, o povo era facilmente manipulado a fazer o que os poderosos pediam.

O inferno é interessante no ponto de vista do controle social. Muitas pessoas deixam de fazer o mal por temerem um castigo futuro. Por outro lado, o medo do inferno é um grande problema porque muitos não vivem satisfatoriamente, pois aprendem na Igreja que o prazer é pecado e pecadores têm como destino o inferno.

Os danos que o medo de desagradar a Igreja causam, são conhecidos por psicólogos e terapeutas, que passam trabalho para lidar com os devotos impressionados.

E chegamos ao segundo e terceiro obstáculos criado pela religião que considero nocivos que ainda hoje provocam traumas e lotam consultórios de psiquiatria:


b)Pecado

Quase todas as religiões mantêm o conceito de pecado. É uma transgressão a Deus. O pecador pode sofrer penas leves como recitar orações, bem como pagar o erro com a própria vida. E o que é pecado na religião? Depende a religião.

c)Sexo

Segundo as religiões, onde existem mais pecados é na esfera da sexualidade. Desde o nascer da religião, os sacerdotes tiveram o cuidado de impor limites aos prazeres sexuais.

Porque toda essa preocupação de Deus, que na verdade foi criação da classe sacerdotal, para com o prazer sexual?

Os interesses eram muitos.

Naturalmente existem algumas formas de sexo que qualquer pessoa sensata e racional é contra, seja ela crente ou não. Ou pelo menos deveria ser. São aquelas relações que causam sofrimento no outro e buscam apenas o prazer pessoal. Por exemplo, o estupro, a pedofilia, a zoofilia e o adultério.

No entanto há muitas formas de sexo que não deveriam ser criticadas e proibidas, aquelas feitas por adultos sadios e conscientes, com anuência de ambas as partes. Infelizmente, a religião também intervém nos desejos sexuais, e cria problemas onde não deveria se meter.

Uma das proibições mais comuns é o sexo antes do casamento. Certamente um dos motivos desta proibição foi uma honrosa preocupação da classe sacerdotal e política da Antiguidade em proteger as mulheres que poderiam engravidar e serem abandonadas pelos parceiros. Não era interessante para as autoridades acolher e sustentar tantas crianças vindo ao mundo sem um pai.

Como os jovens continuavam a fazer sexo antes de casar, os escribas judeus incluíram a pena de morte para mulheres que não guardassem a virgindade para o marido, na intenção de coibir o sexo antes do casamento.


O código Mosaico (assim chamado por ser atribuído a Moisés) tentando evitar que as mulheres tivessem relações antes do casamento pune com a lapidação as noivas que não apresentassem sinais de virgindade na noite de núpcias. Após a denúncia do noivo ofendido, e comprovada pelos sacerdotes, a noiva era levada para frente da casa paterna e apedrejada até a morte (Deuteronômio 22,13). Faziam isso, pois acreditavam ser uma lei dada por Deus.

Penso que somente a busca do conhecimento, e uma profunda reflexão, sincera e diligente, podem afastar da vida humana o terror aplicado pelas idéias dogmáticas das teocracias que ainda resistem em nosso meio. Então, quem sabe, em alguns anos as pessoas não sofrerão mais com a truculência de chefes religiosos em ditar modelos de comportamentos e nem com ameaças de quem não segui-los, irá arder no fogo do inferno.

Assim como os deuses que moravam nos montes sagrados e hoje não passam de lendas, espero que no futuro a humanidade se afaste das superstições e crendices tolas, e que coloque no fundo do baú mitológico todos os deuses juízes e raivosos, os demônios e seus caldeirões ferventes e os infalíveis intérpretes do sagrado.

Para uma humanidade feliz e sadia, não precisamos de leis entregues a profetas, que dizem falar com os céus, nem seguir dogmas inventados. Precisamos de conhecimento, bom senso e fraternidade entre as nações e governos honestos comprometidos com o bem estar do povo.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Relato da minha visita à Aldeia Guarani do Cantagalo




Adriano Couto

No dia 11 de Janeiro do corrente ano, integrei a comitiva dos agentes comunitários de saúde, liderada pela Enfermeira Nara Lúcia, atendendo a convite do Enfermeiro Guarani, Zico da Silva, nos deslocamos até a reserva Guarani na localidade de Cantagalo em Viamão, retribuindo a visita feita pelo enfermeiro à cidade de Butiá.

O Cacique da aldeia, Genício Borges nos esperou em Porto Alegre acompanhado pelo Enfermeiro Zico.

Genício é casado, tem 32 anos, pai de um casal de filhos, faz cinco meses que ele assumiu a liderança da Aldeia Guarani do Cantagalo, que tem 30 famílias e em torno de 220 habitantes.

Na aldeia, Genício é conhecido pela alcunha indígena Karaí Papá que em português significa Divindade da Sorte. Os aldeães comunicam-se na língua materna, o Guarani, preservando os seus costumes.

Para o índio Guarani na atualidade tornar-se Cacique é imprescindível que ele domine a língua portuguesa, para que o mesmo possa participar das atividades e reuniões fora dos limites da aldeia. Este costume vem sendo adotado pelos Guaranis porque os índios mais velhos não sabem falar em português e nota-se na aldeia que são poucos os que se comunicam no nosso idioma. Hoje os guaranis ainda são numerosos segundo o cacique e encontram-se em aldeias espalhadas pelo Brasil, Argentina e Paraguai.

Chegando a Aldeia Cantagalo, apresentou-se a nossa comitiva o Vice-caçique Jaime acompanhado pelos demais aldeães. Na ocasião da chegada, o Cacique Genício, presenteou os agentes de saúde através da Enfermeira Nara Lúcia com um pequeno tamanduá-bandeira de madeira produzido na Argentina.

Fato curioso que nos surpreendeu na chegada à aldeia foi as crianças surgindo na mata repentinamente de dois a dois com olhares desconfiados e curiosos, após mostraram-se amistosos e afáveis para com os visitantes, inclusive posando para fotografias.

Após a recepção calorosa por parte dos anfitriões, os indígenas apresentaram belíssimas peças artesanais, cuja produção e comercialização garantem sua sobrevivência. Depois da exibição das referidas peças, foram apresentadas duas lindas canções em língua Guarani emocionando a todos nós.

Terminada as apresentações, eu, representando a Assessoria de Imprensa, Maria Dolores Gomes Leão representando a SMTCAS e a Enfermeira Nara Lúcia representando os agentes de saúde falamos aos anfitriões, enfatizando a importância deste encontro e em agradecimento pela acolhida. A visita foi de uma troca de conhecimentos culturais intensa, tanto para os Guaranis quanto para nós que integrávamos a comitiva.

Para mim foi um aprendizado esta viagem, aprendi muito sobre os costumes indígenas, nós brancos temos uma dívida impagável para com os índios, nossos antepassados praticamente aniquilaram os povos que aqui habitavam, destruíram sua cultura, subjugando-os, impondo a cultura européia, a religião cristã, demonizando seu credo e toda a sua historia.

Os guaranis são um povo pacífico, simples, acolhedor, nota-se uma grande paz de espírito, uma tranqüilidade que pessoas que vivem nas cidades não conhecem, são pessoas sem malícia, puros de coração, as crianças são dóceis. O caçique Karaí Papá é um homem generoso, modesto e grande líder, aprendemos muito com ele durante os breves momentos em que estivemos em sua aldeia, uma verdadeira lição de humildade e humanidade, que com certeza todos os visitantes levarão para o resto de suas vidas.

100 anos sem Machado de Assis

O centenário de morte do grande escritor Machado de Assis foi em 2008. Mas ao ler o belo texto postado logo abaixo, escrito pela professora Dra Maria Clara Lucchetti Bingemer, não poderia deixar de publicar. Portanto, segue abaixo o texto na íntegra, extraído do site da autora que encontra-se no link http://wwwusers.rdc.puc-rio.br/agape/vida_academica/artigos.htm





Por Maria Clara Lucchetti Bingemer




"(…) Assim são as páginas da vida,
como dizia meu filho quando fazia versos,
e acrescentava que as páginas vão
passando umas sobre as outras,
esquecidas apenas lidas".

“Suje-se Gordo!”






Tão genial e suficiente em si mesma é a obra do "bruxo" do Cosme Velho, como era chamado Machado de Assis, que se torna difícil dizer algo sobre sua pessoa e seu talento. Tendo tudo contra si, - mulato, pobre, gago, epiléptico – Machado no entanto é uma prova viva de que a musa é gratuita tanto quanto caprichosa e que o gênio é doado por Deus sem acepção de pessoas.

O menino pobre e mulato que não pôde sequer ser enterrado ao lado de sua amada esposa Carolina por ser mulato, hoje é imortal. Não há quem não conheça esse carioca obscuro que se tornou o maior escritor brasileiro e que sem dúvida merece a veneração que suscita à sua volta.

Machado de Assis é sem dúvida uma das muitas glórias do Rio de Janeiro, sua cidade natal. O Rio era a capital do Império brasileiro quando ele nasceu em 1839, no Morro do Livramento, filho de uma lavadeira e de um operário e neto de escravos. O pequeno Joaquim Maria Machado de Assis só freqüentou a escola primária, mas seus pais sabiam ler, o que era raro na época tanto em famílias de pretos quanto de brancos.

O menino pobre aprendeu a ser tipógrafo e começou a escrever. Aos 15 anos, publicou o primeiro poema. Começou a escrever artigos para jornais. Aprendeu sozinho francês. Depois, inglês. E depois foi escrevendo as obras que hoje são obrigatórias para quem quer conhecer o Brasil, a literatura brasileira, a língua portuguesa e o Rio de Janeiro.

Machado de Assis deixou uma visão irônica, pessimista e lúcida da vida carioca no fim do Império e começo da República, tempo em que viveu. O Rio de Machado era uma cidade pobre, mas enfeitada. Provinciana, mas pretensiosa. Com sua cortante lucidez, Machado não idealiza sua cidade. Apesar de apreciá-la e amá-la, não deixa de expor suas chagas, que eram muitas.

Vista de cima, assim do alto, a cidade de Machado de Assis continua tão linda quanto era em sua época , no século 19. Mas naqueles tempos as ruas fediam. Havia assaltos à mão armada com navalha, os escravos eram maltratados por seus donos e mais de 84% da população eram analfabetos. O Rio de Janeiro que aparece nos romances, nos contos, nas crônicas e na poesia de Machado de Assis está longe de ser um Rio idealizado.

O bairro do Cosme Velho, onde Machado de Assis viveu o fim da vida, aparece pouquíssimo em sua obra. Sua casa foi demolida. Esse viúvo solitário, inconsolável com a perda da “pobre querida” Carolina , ia diariamente à Academia Brasileira de Letras, da qual foi um dos fundadores e onde podia dar asas a seu incontido amor pela palavra escrita.

Foi através dessa escrita que deixou registrada, além de todas as suas criações literárias que até hoje povoam a imaginação dos letrados e ensinam os iletrados a ler e escrever, a paixão pela cidade que lhe deu os meios com que passou da obscuridade à glória.

Há 100 anos sem Machado de Assis, o Rio de Janeiro continua lindo. E pobre, e sofrido, e violento. Algumas de suas ruas ainda cheiram mal, ainda são esburacadas. E continua havendo meninos pobres , mulatos, gagos e epilépticos que não têm o seu gênio. E que sobrevivem nas esquinas lavando vidros de carro ou fazendo acrobacias com laranjas e limões. Quando não caem nas mãos mortíferas do tráfico como aviõezinhos.

Que Deus salve a memória de Machado de Assis. E que as novas gerações vejam em sua vida o exemplo eloqüente que a avidez do conhecimento é o melhor antídoto para crescer e tornar-se realmente pessoa. Machado de Assis, sem dúvida um vencedor apesar de sua origem humilde, é prova disso.


Fonte: Blog Conhece-te a ti mesmo e serás imortal

Sargento ateu queixa-se de teste ‘espiritual’ e abre polêmica nos EUA

O sargento Justin Griffith, 27, que se define como uma "ateu de trincheira", ficou furioso com a baixa pontuação que obteve em um teste obrigatório de avaliação psicológica por causa do quesito "espiritualidade". Sua base é o Fort Bragg, na Carolina do Norte, Estados Unidos.

Ao término do teste, no mês passado, ele recebeu os seguintes conselhos emitidos por um soft: “Você pode não ter consciência do significado e propósito de sua vida. Às vezes, para você, é difícil entender o que lhe ocorre e com as pessoas ao seu redor. Você precisa questionar suas crenças, princípios e valores. A sua meta deve ser melhorar a sua aptidão espiritual”.

Griffith criticou o diagnóstico em seu blog -- que, de tanto acessos, ficou algumas horas fora do ar – e abriu uma polêmica nos Estados Unidos.

O Exército começou a aplicar o teste em 2008. Trata-se de um questionário para avaliar estado mental, emocional e social dos soldados, além do espiritual, com o propósito de torná-los mais resistentes a eventos traumáticos, como as guerras do Iraque e do Afeganistão, e reduzir a taxa de suicídio.

Griffith, em seu blog, questionou a validade do teste, porque, pela avaliação que recebeu, parece que ele, um ateu, é menos capacitado para ser um soldado do que alguém ‘espiritual’. Disse estar surpreso pelo fato de ninguém ter ainda denunciado a discriminação.

Para ele, por detrás da avaliação há uma pregação religiosa, cristã, como em outras atividades e cerimônias do Exército, o que é anticonstitucional. “Decidi reclamar porque fiz um juramento para defender a Constituição”, disse.

“A espiritualidade é um assunto da intimidade de cada pessoa e ninguém deveria ser submetido a uma coisa como essa. Não me importo com a busca das pessoas por uma religião. Só não quero que tentem me empurrar uma crença goela abaixo.”

O psicólogo e capitão do Exército Paul Laster disse que a avaliação tem o respaldo da literatura científica e de entidades como a Organização Mundial de Saúde como uma forma de prevenir comportamentos autodestrutivos.

Ele ressaltou que espiritualidade e religiosidade não significam a mesma coisa, mas até líderes religiosos criticaram o Exército. Elizabeth Sholes, de um conselho de igrejas da Califórnia, defendeu a eliminação do quesito “espiritualidade” do questionário. “Há jovens das mais variadas denominações religiosas que colocam sua vida em risco e dizer a eles que não são suficientemente bons cristãos é um insulto.”

Mikey Weinstein, da Fundação Liberdade Religiosa Militar, acusou o Exército de usar o termo “espiritual” como sinônimo velado de “religião”. Em carta ao Alto Comando, ele comunicou que, se até o dia 20 deste mês o teste continuar do jeito que está, vai recorrer à Justiça contra a inconstitucionalidade.

O site Truthout informou que o programa de avaliação foi desenvolvido sob a influência da teoria dos psicólogos que criaram os métodos de tortura no Governo Bush.


Com informação do Fayobserver, Mediaite e Truhout.


Fonte: PAULOPES WEBLOG/ Blog Libertos do Opressor

sábado, 15 de janeiro de 2011

35 perguntas que lhe tornarão um ateu

1. Se Satanás consegue entrar até nas igrejas e fazer com que as pessoas tenham pensamentos impuros durante os cultos, como os cristãos podem ter tanta certeza de que ele não influenciou a redação e a composição da Bíblia segundo seus interesses?

2. Deus pensa? Por que um ser que já sabe de tudo precisaria pensar?

3. Se Deus é ominisciente, como ele poderia ter se arrependido de sua criação?

4. Por que Deus mandou o dilúvio para eliminar o mal da Terra? Não funcionou! O mal voltou logo em seguida. Deus já deveria saber que isto iria acontecer, então por que ele se deu ao trabalho?

5. Se Deus é imutável, porque ele precisou “mudar as regras” enviando-se Jesus na Terra?

6. Se tudo é “parte do plano de Deus”, como dizem os crentes, então Deus planejou todas as desgraças, todas as catástrofes e todos os nossos pecados e não precisamos sentir culpa por nada nem fazer nada para corrigir as coisas.

7. Se Deus não é a causa da confusão, o que dizer da Torre de Babel?

8. Como Deus pode ter emoções (ciúme, raiva, tristeza, amor…) se ele é onipotente, ominisciente e onipresente? Emoções são uma reação, mas como Deus pode reagir a algo que ele já sabia que iria acontecer e até planejou?

9. Deus nunca me deu os brinquedos que pedi quando criança, mas, se eu pedir para ir para o inferno, será que ele vai me atender?

10. Por que Deus permite que uma criança nasça se ele já sabe que ela vai para o inferno? Onde está seu amor infinito?

11. Como podemos ser felizes no céu sabendo que pessoas que amamos estão sofrendo no inferno? Um crente me disse que as memórias que temos dos entes queridos são apagadas para não sofrermos no céu. Mas se perdemos nossa memória, não deixamos de ser nós mesmos?

12. Muitas pessoas acreditam em fantasmas. Então porque as pessoas só vêem fantasmas de pessoas ou bichos de estimação mortos? Porque não Neanderthais ou dinossauros? Não haveria um baita fantasma de um brontossauro para quem pudesse ver?

13. Por que dizem que temos livre arbítrio se só há duas opções: seguir a Deus e ir para o céu ou desobedecer e ir para o inferno?

14. Em Isaías 40:28 diz “Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o SENHOR, o Criador dos fins da terra, nem se cansa, nem se fatiga?”. Então como é que os católicos dizem que Deus descansou no sétimo dia no Gênesis?

15. Judeus tradicionais dizem que o nome de Deus é impronunciável e por isso o chamam de Javé ou JHVH. Como é que então alguém pode ser acusado de falar seu nome em vão se ninguém sabe qual é?

16. Por que Deus é do sexo masculino?

17. Se o homem é feito imagem de Deus, então Deus tem pênis?

18. Por que precisamos rezar se Deus já sabe de tudo o que vamos dizer e do que precisamos? Será que ele gosta que nos humilhemos diante dele?

19. Cristãos adoram dizer o quanto Jesus se sacrificou por nós. Mas se ele era Deus, então como ele não sabia que em 3 dias estaria no céu para nos governar? Se ele está lá e vivo, o que exatamente ele sacrificou?

20. Como Adão e Eva podiam saber que era errado comer da Fruta do Conhecimento se só ao comê-la saberiam o que era bom e mal, certo e errado?

20. Como podemos ofender a Deus se não é possível surpreendê-lo?

21. Em 1 Coríntios 15:50 diz “Isto afirmo, irmãos, que a carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção”. Como Jesus pôde então ascender ao reino de Deus se ele mesmo é carne e sangue?

22. Por que Deus criou o Mal (Isaías 45:6-7) se ele não quer que o pratiquemos? Por ele cria as pessoas que já sabem vão para o inferno?

23. Por que Deus não aparece a todo mundo e nos convence de sua existência? Por que ele só se revela de maneira tão duvidosa e tão obscura?
24. De acordo com Mateus 5:17, Jesus não veio abolir a Lei e os profetas, apenas completá-los, e que nem uma vírgula deverá ser alterada enquanto existirem céu e terra. Como Jesus ainda não voltou a Lei ainda está valendo, portanto, por que não saímos por aí queimando bruxas, apedrejando adúlteras e crianças desobedientes, matando homossexuais, excluindo gente que trabalha aos sábados (enfermeiras, médicos etc.), aspergindo sangue nos altares, arrando a cabeça de passarinhos e sacrificando pessoas a Deus (Levítico 27:28) ?

25. Se os crentes aceitam que Deus sempre existiu, por que eles não aceitam que o universo sempre existiu?

27. Que deus de infinito amor aceitaria sacrifícios humanos, inclusive de seu próprio filho e dos filhos de suas criaturas?

28. Se Jesus era Deus em forma humana, ele morreu para nos salvar dele mesmo?

29. Por que Deus criaria gente que não acredita nele e depois os puniria por ser aquilo que ele os fez?

30. O que é o “plano de Deus”? Um deus onipotente e ominisciente não precisa planejar nada. Isto é coisa de criaturas limitadas, que não conhecem o futuro. Se Deus tem um plano, então ele é limitado como nós.

31. Por que precisamos de um corpo se nossas almas podem fazer tudo o que fazemos e até melhor?

32. . Como Deus julga os que viveram antes de a Bíblia ser escrita?

33. Se tudo faz parte do plano de Deus, que diferença faz rezar ou não?

34. Porque Deus possui quase todas as características de algo que não existe? Por exemplo: imaterial, incorpóreo, incompreensível, invisível, inexplendorável, etc…

35Como pode um deus de infinito amor e misericórdia assistir a bilhões de seus filhos queimar por toda a eternidade?


Fonte: Blog Humor Ateu

Quem foi o maior assassino no livro da Bíblia?

Fernando Bastos

Existem várias maneiras de se ler a Bíblia. Duas delas são: a literal e a alegórica (ficção que representa uma coisa para transmitir outra idéia).

1) De forma literal, como querem os conservadores: Adão e Eva existiram e comeram o fruto proibido, pelo qual toda a humanidade foi castigada. Deus disse à mulher que ela teria os filhos em meio à dor e o homem teria que ganhar o pão com o suor do seu rosto (Gn 3,16.19).

2) De forma alegórica: Segundo os que defendem este método, nem tudo na Bíblia pode ser entendido ao pé da letra, de modo que a jumenta de Balaão que falava como ser humano (talvez em hebraico) seria apenas uma alegoria (Nm 22,28).


Como devemos entender os inúmeros assassinatos promovidos por Javé (Jeová) o Deus de Israel e da Bíblia? Literalmente, segundo muitos teólogos? Desse modo, podemos listar os casos de assassinatos mais famosos da Bíblia, promovidos pelo Misericordioso Javé:

1) Todos os seres vivos do planeta foram mortos, menos Noé e sua família e alguns animais que subiram na arca. Pensem nas criancinhas inocentes, afogadas pela Ira de Javé (Gn 6,7).

2) Javé mata todos os habitantes de Sodoma e Gomorra, porque estes cometiam perversões. Não escapam nem os inocentes e as crianças. Ou será que todos eram pervertidos? (Gn 19,24)


3) O costume era casar com a esposa do irmão falecido. Onã tentou enganar a Deus e ejaculava fora, para não engravidar a cunhada. Onã foi morto por Javé, porque recusou-se a engravida-la. (Gn 38,9).

4) Javé lança uma praga contra o Egito e mata todos os primogênitos (primeiro filho) de humanos e animais. Toda essa carnificina foi apenas para punir um faraó teimoso. Tirar a vida do primogênito do Faraó, já seria uma monstruosidade, mas Javé não se contentou (Ex 12,29).

5) O faraó e seu exército foram afogados no mar enquanto tentavam alcançar os hebreus (Ex 14,28).

6) Através de uma praga produzida pelo Deus de Moisés, 14.700 israelitas foram mortos porque se revoltaram contra o profeta. Os deuses antigos não gostavam de ser contrariados. Liberdade de pensamento era utopia (Nm 17,6).

Há muito mais carnificina enviada pelo Deus Bíblico. O que foi exposto nos basta. Para completar, há mais uma forma de ler a Bíblia: A mitológica. As escrituras não seriam obra de Deus, mas, como dizem os especialistas, engenho de escribas judeus, sobretudo na corte do Rei Josias, que se valiam de antigos mitos, para formular sua própria história e divulgar que eram um povo escolhido por Deus, como já haviam tentado os egípcios, os babilônicos, os gregos, etc.

Grandes enchentes (que para o homem da época pareciam universais), pragas, mortes nas guerras ou por calamidades naturais, eram vistas como obras de Deus.

Quem, porém, prefere acreditar que a Bíblia foi regida por Deus, deve então concordar que ele matava quem bem quisesse. O que não faz dele um Deus sábio e amoroso.

O Deus que você acredita, seria capaz de estar por trás desses crimes? Não sei se é possível defender alguém que tenha cometido tantos assassinatos. É por esses e outros absurdos, que um grande contingente de pensadores afirma que é possível existir Deus.

Mas o Deus Bíblico seria uma cópia dos deuses tribais, arranjado por Moisés para liderar seu povo com mais persuasão. Uma técnica muito em voga naquele tempo. Invento um Deus que me orienta e todos me seguirão, como formigas.

Fonte: http://pensarporsi.zip.net/

Contradições na Bíblia

Gênesis

As duas histórias contraditórias sobre a criação.

Primeira história

O homem foi criado depois dos outros animais. [Gn 1:25-27]
O homem e a mulher foram criados simultaneamente. [Gn 1:27]
Segunda história

O homem aparece antes dos outros animais. [Gn 2:18-19]
O homem foi criado primeiro, então os animais, e só depois a mulher, da costela do homem. [Gn 2:18-22]

Quanto tempo levou para criar os céus e a terra?
Um dia [Gn 2:4] ou seis dias [Gn 1:3 - 2:3].

As plantas foram criadas antes ou depois dos homens?
As plantas foram criadas antes dos homens. [Gn 1:11-13, 1:27-31]
As plantas foram criadas depois dos homens. [Gn 2:4-7]

Quando as estrelas foram criadas?
No quarto dia da criação, depois da criação da terra. [Gn 1:16-19]
Antes que a terra fosse criada. [Jó 38:4-7]

De onde foram criadas as aves?
Das águas [Gn 1:20-21] ou da terra [Gn 2:19].

O homem foi criado antes ou depois dos outros animais?
O homem foi criado depois dos outros animais. [Gn 1:25-27]
O homem aparece antes dos outros animais. [Gn 2:18-19]

Quantos deuses existem?
Há somente um Deus. [Dt 4:35, 4:39, 6:4, 32:39, Is 43:10, 44:8, 45:5-6, 46:9, Mc 12:29, Mc 12:32, Jo 17:3, I Co 8:6]
Existem vários Deuses. [Gn 1:26, 3:22, 11:7, Ex 12:12, 15:11, 18:11, 20:3, 22:20, 23:13, 23:24, 23:32, 34:14, Nm 33:4, Jz 11:24, I Sm 6:5, 28:13, Sl 82:1, 82:6, 86:8, 96:4, 97:7, 136:2, Jr 1:16, 10:11, Sf 2:11, Jo 10:33-34, I Jo 5:7]

Adão pode comer de qualquer árvore?
Adão pode comer de toda árvore. [Gn 1:29]
Há uma árvore da qual ele não pode comer. [Gn 2:17]

Adão morrerá no dia em que comer da árvore da ciência.
Adão morrerá no dia em que comer da árvore da ciência do bem e do mal. [Gn 2:17]
Adão come da árvore, e ainda vive 930 anos. [Gn 3:6, 5:5]

O casamento é uma boa coisa?
Casamento aprovado. [Gn 2:18, Pv 18:22, Mt 19:5, Hb 13:4]
Casamento desaprovado. [I Co 7:1, 7:7-8]

Deus tem um corpo?
Deus tem um corpo. [Gn 3:8, Ex 33:11, 33:20, 33:22-23, 34:5, Dt 23:14, Ez 1:27, 8:2, Hc 3:3-4]
Deus é um espírito que não possui corpo. [Lc 24:39, Jo 4:24]

Deus sabe e vê tudo?
Deus sabe e vê todas as coisas. [Sl 44:21, 139:7-8, Pv 15:3, Jr 16:17, 23:24, At 1:24]
Deus nem sempre sabe e vê todas as coisas. [Gn 3:8, 4:14, 4:16, 11:5, 18:9, 18:17, 18:21, 22:12, Nm 22:9, Dt 8:2, 13:3, II Cr 32:31, Jó 1:7, 2:2, Os 8:4]

Todos descendem de Adão e Eva?
Sim, todos descendem de Adão e Eva. [Gn 3:20]
Nem todos. [Hb 7:3]

Deus respeita todos?
Deus respeita todas as pessoas. [Gn 4:4, Ex 2:25, Lv 26:9, II Rs 13:23, Sl 138:6]
Deus não tem respeito por ninguém. [Dt 10:17, II Cr 19:7, At 10:34, Rm 2:11, Gl 2:6, Ef 6:9, Cl 3:25, I Pe 1:17]

Deus deseja o sacrifício de animais?
Sim. [Gn 4:4, 8:20-21, 15:9-10, Ex 20:24, 29:11-37, Lv 1:5, 23:12-18, Nm 18:17-19, Dt 12:27]
Não. [Sl 40:6, 50:13, 51:16, Is 1:11, 66:3, Jr 6:20]

O que aconteceu com Caim?
Foi um fugitivo e errante sobre a terra. [Gn 4:12]
Conheceu a sua mulher, e edificou uma cidade. [Gn 4:17]

Deus aprova a pena de morte?
O assassino não deve ser morto. [Gn 4:15]
O assassino merece ser morto. [Gn 9:6]

Enoque foi a sexta ou sétima geração desde Adão?
Ele foi a sexta geração. [Gn 5:3-18, I Cr 1:1-2, Lc 3:37-38]
Ele foi a sétima geração. [Jd 1:14]

Todos devem morrer?
Algumas pessoas nunca morrerão. [Gn 5:24, Jo 8:51, 11:26, Hb 11:5]
Todos morrerão. [Rm 5:12, Hb 9:27]

Pode alguém ascender aos céus?
Nenhum homem pode. [Jo 3:13]
Alguns ascenderam aos céus. [Gn 5:24, II Rs 2:11, Hb 11:5]

Quantos filhos Deus teve?
Deus teve somente um filho. [Jo 3:18, I Jo 4:9]
Deus teve muitos filhos. [Gn 6:2, 6:4, Jó 1:6, 2:1, 38:6-7]

Qual é o tempo de vida do homem?
70 anos. [Sl 90:10]
120 anos. [Gn 6:3]

Deus se arrepende?
Deus nunca se arrepende. [Nm 23:19, I Sm 15:29, Ez 24:14, Ml 3:6]
Deus se arrepende. [Gn 6:6, Ex 32:14, Dt 32:36, I Sm 15:11, 15:35, II Sm 24:16, I Cr 21:15, Is 38:1-5, Jr 15:6, 18:8, 26:3, 26:13, 26:19, 42:10, Am 7:3, 7:6, Jn 3:10]

Já houve alguém justo, íntegro e bom (uma pessoa perfeita)?
Não. [I Rs 8:46, II Cr 6:36, Sl 14:3, 53:3, Pv 20:9, Ec 7:20, Is 41:26, Mc 10:18, Rm 3:10, 3:12, 3:23, I Jo 1:8, 1:10]
Sim. [Gn 6:9, 7:1, I Rs 15:14, II Cr 15:17, Jó 1:1, 1:8, 2:3, Sl 17:3, Mt 25:46, Lc 1:6, 2:25, Tg 5:16, II Pe 2:7-8, I Jo 3:6, 3:9]

Quando Noé entrou na arca?
Sete dias antes da inundação. [Gn 7:7-10]
No mesmo dia em que começou a inundação. [Gn 7:11-13]

Quantos animais de cada espécie Noé levou na arca?
Noé recebe ordens para levar dois de cada animal para a arca. [Gn 6:19-20, 7:8-9, 7:15]
Noé recebe ordens para pegar sete animais de cada espécie. [Gn 7:2-3]

Quanto tempo durou a inundação?
Foram 40 dias. [Gn 7:17]
Foram 150 dias. [Gn 7:24, 8:3]

Deus quer que crianças morram?
Não. Ele não quer que nenhuma morra. [Mt 18:14]
Sim, ele freqüentemente mata crianças e instrui outros a fazer o mesmo. [Gn 7:21-22, 19:24, 22:2, Ex 12:30, 21:15, Lv 20:9, Dt 20:16, 21:18-21, Js 10:40, I Sm 15:2-3, II Sm 12:15-18, II Rs 2:23-24, Sl 135:8, 136:10, 137:9, Jr 13:13-14, 19:9, Ez 5:10, Os 9:16, 13:16, Zc 13:3]

Todos (exceto Noé e sua família) morreram na inundação?
Sim. Tudo morreu exceto o que estava na arca. [Gn 7:21-23]
Não. Alguns sobreviveram. [Gn 6:4, Nm 13:33]

Por quanto tempo a arca flutuou?
Por sete meses. [Gn 8:4]
Por dez meses. [Gn 8:5]

Quando a terra secou depois do dilúvio?
No 1º dia do primeiro mês. [Gn 8:13]
No 27º dia do segundo mês. [Gn 8:14]

Deus amaldiçoará a terra?
Bem, talvez, se ele se aborrecer novamente. [Ml 4:6]
Não, ele nunca fará isto novamente. [Gn 8:21]

Quais os tipos de animais que nós podemos comer?
Não devemos comer animais. [Gn 1:29, Pv 23:20, Is 7:14-15, Dn 1:8, Rm 14:21]
Somente alguns tipos de animais podem ser comidos. [Lv 11:2-4, Dt 14:7-8]
Nós podemos comer qualquer tipo de animal. [Gn 9:3, Mc 7:18-20, At 10:10-13, Rm 14:2, 14:14, I Co 10:25, I Tm 4:1-3]

Nós somos punidos pelos erros de outros?
Sim. [Gn 9:21-25, Ex 20:5, 34:7, Nm 14:18, Dt 5:9, 23:2, 28:18, II Sm 12:14, 21:6-9, I Rs 2:33, 11:11-12, 21:29, II Rs 5:27, Is 14:21, Jr 16:10-11, 29:32, 32:18]
Não. [Dt 24:16, Jr 31:29-30, Ez 18:20]

Deus aprova a escravidão?
Sim. [Gn 9:25-27, 16:8-9, 17:12-13, 24:35-36, 26:12-14, Ex 12:44, 20:17, 21:2-6, 21:7, 21:20-21, 21:26-27, 22:2-3, Lv 19:20, 22:11, 25:39, 25:44-46, Dt 5:21, 15:12, 20:10-11, 20:14, Js 9:23, Lc 12:46-47, 17:7-9, I Co 7:21-22, Ef 6:5, Cl 3:22, I Tm 6:1-5, Tt 2:9-10, I Pe 2:18]
Não. [Ex 21:16, Lv 19:13, 19:18, 19:33-34, 25:10, Dt 15:9-10, 23:15-16, 24:7, 24:14-15, Pv 22:22-23, Is 58:6, Jr 22:13, Ml 3:5, Mt 4:10, 23:10, Mc 10:42-43, I Co 7:23, Fp 2:3, I Tm 1:9-10, Fm 1:10-15, Hb 13:3, Tg 5:4]

Quantos idiomas existiam antes da Torre de Babel?
Havia apenas um idioma. [Gn 11:1, 11:6]
Havia muitos idiomas. [Gn 10:5, 10:20, 10:31]

Quem foi o pai de Salá?
O seu pai foi Arfaxade. [Gn 10:24, 11:12]
O seu pai foi Cainã. [Lc 3:35-36]

Quantos anos Abraão tinha quando partiu de Harã?
Ele tinha 75 anos. [Gn 12:4]
Ele tinha pelo menos 135 anos. [Gn 11:26, 11:32, At 7:2-4]
Em [At 7:4] diz que Abraão só deixou Harã depois que seu pai morreu. Em [Gn 11:26] diz que o pai de Abrão tinha 70 anos quando ele nasceu, e o pai de Abrão viveu até 205 anos [Gn 11:32]. Desse modo, então, Abraão tinha pelo menos 135 anos quando deixou Harã. Mas em [Gn 12:4] diz que ele deixou Harã quando tinha 75 anos.

Deus é autor de confusão?
Sim. [Gn 11:7-9]
Não. [I Co 14:33]
Ló era irmão ou sobrinho de Abraão?
Ló era irmão de Abraão. [Gn 14:14, 14:16]
Ló era sobrinho de Abraão. [Gn 11:27, 12:5, 14:12]

Deus pode ser visto?
Sim, ele pode. [Gn 12:7, 17:1, 18:1, 26:2, 26:24, 32:30, 35:1, 35:7, 35:9, 48:3, Ex 3:16, 4:5, 6:3, 24:9-11, 33:11, 33:23, Nm 14:14, Dt 5:4, 34:10, Jz 13:22, I Rs 22:19, Jó 42:5, Sl 63.2, Is 6:1, 6:5, Ez 1:27, 20:35, Am 7:7, 9:1, Hc 3:3-5]
Não, ele é invisível e não pode ser visto. [Ex 33:20, Jo 1:18, 6:46, I Tm 1:17, 6:16, I Jo 4:12]

Quanto tempo durou o cativeiro no Egito?
O cativeiro egípcio durou por 400 anos. [Gn 15:13]
O cativeiro egípcio durou por 430 anos. [Ex 12:40, Gl 3:17]

Quantos filhos Abraão teve?
Abraão teve somente um filho. [Gn 22:2, Hb 11:17]
Abraão teve mais de um filho. [Gn 16:15, 21:2-3, 25:1-2, Gl 4:22]

A circuncisão é necessária?
Sem dúvida. [Gn 17:7, 17:10, 17:13, 17:19]
De maneira alguma. [Gl 5:2]

O incesto é proibido?
O incesto é condenado. [Lv 18:9, 18:12, 20:17, 20:19, Dt 27:22]
O incesto é permitido. [Gn 20:12, Ex 6:20]

Deus pode fazer qualquer coisa?
Deus pode fazer qualquer coisa. [Gn 18:14, Jr 32:17, 32:27, Mt 19:26, Mc 10:27]
Existe algumas coisas que Deus não pode fazer. [Jz 1:19, Mc 6:5, Hb 6:18]

Podemos fazer juramentos?
Os juramentos são aprovados. [Gn 21:23-24, 24:2-3, 24:9, 31:53, 47:31, Lv 27:2, Nm 30:2, Dt 6:13, 10:20, 23:21, Sl 63:11, Is 45:23, 48:1, 65:16, Jr.4:2, 12:16, Hb 6:13, Ap 10:5-6]
Os juramentos são proibidos. [Mt 5:34, Tg 5:12]

Quem nomeou Berseba?
Berseba foi nomeada por Abraão. [Gn 21:31]
Berseba foi nomeada depois da morte de Abraão por Isaque. [Gn 26:33]

Deus alguma vez tentou alguém?
Deus nunca tentou ninguém. [Tg 1:13]
Muitas pessoas foram tentadas por Deus. [Gn 22:1, II Sm 24:1, Mt 6:13]

Deus aprova o sacrifício humano?
Sim. [Gn 22:2, Ex 22:29, Lv 27:28-29, Nm 31:25-29, Jz 11:29-40, II Sm 21:1, 21:8-9, 21:14, I Rs 13:2, II Rs 23:20]
Não. [Lv 18:21, 20:2, Dt 18:10]

Quetura foi esposa ou concubina de Abraão?
Ela foi sua esposa. [Gn 25:1]
Ela foi sua concubina. [I Cr 1:32]
Quem era o pai de Basemate?
Ela era filha de Elom. [Gn 26:34]
Ela era filha de Ismael. [Gn 36:2-3]

Quem era o pai de Labão?
Labão era filho de Betuel. [Gn 28:5]
Labão era filho de Naor. [Gn 29:5]

Zibeão era um heveu ou um horeu?
Heveu. [Gn 36:2]
Horeu. [Gn 36:20]
Onde os irmãos de José acharam o dinheiro deles?
Em uma venda antes de voltar para casa. [Gn 42:27, 43:21]
Depois de voltar para casa. [Gn 42:29, 42:35]

Quantos anos Benjamim tinha quando o clã dele migrou para o Egito?
Ele era uma criança. [Gn 44:20, 44:22]
Ele já era um homem com dez filhos. [Gn 46:8, 46:21]

Mali foi filho de Levi?
Sim. [Ed 8:18]
Não. [Gn 46:11, I Cr.6:1, 6:16, 23:6]

Quem eram os filhos de Benjamim?
Belá, Bequer, Asbel, Gera, Naamã, Eí, Rôs, Mupim, Hupim e Arde. [Gn 46:21]
Belá, Asbel, Airão, Sufã, Hufã, Arde e Naamã. [Nm 26:38-40]
Belá, Bequer e Jediael. [I Cr 7:6]
Belá, Asbel, Aará, Noá e Rafa. [I Cr 8:1-2]

Naamã e Arde foram filhos ou netos de Benjamim?
Eles foram filhos de Benjamim. [Gn 46:21]
Eles foram netos de Benjamim. [Nm 26:38-40]
Quantos eram na família de Jacó quando vieram para o Egito?
70 [Gn 46:27, Ex 1:5] ou 75 [At 7:14].

Quais eram as doze tribos de Israel?
Rúben, Simeão, Levi, Judá, Zebulom, Issacar, Dã, Gade, Aser, Naftali, José e Benjamim. [Gn 49:3-27]
Rúben, Simeão, Levi, Judá, Zebulom, Issacar, Manassés, Gade, Aser, Naftali, José e Benjamim. [Ap 7:4-8]

Onde Jacó foi enterrado?
Jacó foi enterrado em Macpela. [Gn 50:13]
Jacó foi enterrado em Siquém. [At 7:15-16]
Êxodo
É errado mentir?
A mentira é aprovada. [Ex 1:18-20, Js 2:4-6, I Rs 22:21-22, II Rs 8:10, II Co 12:16, Tg 2:25]
A mentira é proibida. [Ex 20:16, Lv 19:11, Dt 5:20, Pv 12:22, Ef 4:25, Ap 21:8]

Moisés temeu o rei?
Moisés temeu o rei. [Ex 2:14-15]
Moisés não temeu o rei. [Hb 11:27]

Quem foi o sogro de Moisés?
Foi Jetro. [Ex 3:1, 4:18, 18:1, 18:5]
Foi Hobabe. [Nm 10:29, Jz 4:11]
Foi Reuel. [Ex 2:18-21]

É errado roubar?
Roube. [Ex 3:22, 12:35-36, Ez 39:10]
Não roube. [Ex 20:15, Lv 19:11, 19:13, Dt 5:19, Sl 37:21, Ef 4:28, I Ts 4:6]

Quem endureceu o coração do Faraó?
Foi Deus. [Ex 4:21, 7:3, 7:13, 9:12, 10:1, 10:20, 10:27, 11:10, 14:4, 14:8, 14:17]
Foi o próprio Faraó. [I Sm 6:6]

Deus instruiu os Israelitas que lhe fizessem sacrifícios e holocaustos?
Deus instruiu os Israelitas que lhe fizessem sacrifícios e holocaustos. [Ex 8:27, 10:25, 20:24, 29:16-18]
Deus não pediu nenhum sacrifício ou holocausto. [Jr 7:22]

Os cristãos devem obedecer as leis do Velho Testamento?
Sim, elas sempre serão válidas. [Ex 12:14, 12:17, 12:24, Lv 23:14, 23:21, 23:31, Sl 119:151-152, 119:160, Ml 4:4, Mt 5:18-19, Lc 16:17]
Não, os cristãos não estão sob as leis do Velho Testamento. [Lc 16:16, Rm 6:14, 7:4, 7:6, 10:4, Gl 5:18, Ef 2:15]

Por quantos dias deve-se comer pão sem fermento durante a Páscoa?
Por seis dias. [Dt 16:8]
Por sete dias. [Ex 12:15, 23:15, Dt 16:3]

Deus é guerreiro ou pacificador?
Deus da guerra. [Ex 15:3, Sl 18:34, 144:1]
Deus da paz. [Rm 15:33, I Co 14:33, II Ts 3:16, Hb 13:20]

Dançar é pecado?
Sim. [Ex 32:19-21, Mt 14:6-8, Gl 5:19-21]
Não. [Ex 15:20-21, Jz 11:34, II Sm 6:14, Sl 149:3, 150:4, Ec 3:4, Lc 15:25]

É necessário guardar o sábado?
É necessário. [Ex 16:29, 20:8, 31:13-15, 34:21, 35:2, Lv 19:3, 19:30, 23:3, Nm 15:32, 15:36, Dt 5:12, Is 56:2]
Não é necessário. [Is 1:13, Jo 5:16, Rm 14:5, Cl 2:16]

É correto fazer imagens?
Não. [Ex 20:4, Dt 4:16-18, 4:23, 5:8, 27:15]
Sim. [Ex 25:18, 25:20, Nm 21:8]

Como devemos tratar nossos pais?
Honrando-os. [Ex 20:12, Dt 5:16, Ml 4:6, Ef 6:2]
Desrespeitando-os. [Mt 12:47-48, 23:9, Mc 3:32-33, Lc 9:59-60, 14:26]

É correto chamar seu pai (ou qualquer outro) de pai?
Nenhum homem é pai. [Mt 23:9]
Você pode chamá-lo de pai. [Ex 20:12, Dt 5:16, Ef 6:2, II Rs 2:12, 6:21]

Matar ou não matar?
Mate. [Ex 32:27, Nm 15:35, I Sm 15:2-3]
Não mate. [Ex 20:13, Dt 5:17]

É errado cometer adultério?
Adultério é proibido. [Ex 20:14, Dt 5:18, Hb 13:4]
Adultério é permitido. [Nm 31:18, Os 1:2, 3:1]

É correto ser polígamo?
Sim. [Gn 4:19, 16:1-4, 25:6, 26:34, 28:9, 31:17, Ex 21:10, Dt 21:15, Jz 8:30, I Sm 1:1-2, II Sm 12:7-8, I Rs 11:3, I Cr 4:5, II Cr 11:21, 13:21, 24:3, Mt 25:1]
Não. [Gn 2:24, Mt 19:4-5, 19:9, Mc 10:11, I Co 7:2, Ef 5:33, Tt 1:6-7]

Deus se cansa?
Deus nunca se cansa. [Is 40:28]
Algumas vezes deus se cansa. [Ex 31:17, Is 1:14, 43:24, Jr 15:6]

Quem escreveu os dez mandamentos?
Deus [Ex 34:1] ou Moisés [Ex 34:27].

Deus é misericordioso?
Deus é rei, misericordioso e bom. [Ex 34:6, II Sm 24:14, I Cr 16:34, Sl 25:8, 86:5, 100:5, 103:8, 106:1, 118:1, 136:1, 145:9, Jr 3:12, 33:11, Lm 3:33, Jl 2:13, Mq 7:18, Tg 5:11, I Jo 4:16]
Deus é cruel, sem misericórdia e mal. [Ex 34:6-7, Nm 25:4, Dt 7:16, I Sm 6:19, 15:2-3, Jr 13:14, 16:3-7, Lm 2:2, 2:17, 3:43, Ez 7:4, 7:9, 9:5-6, Mq 1:12]

Quem fez a arca da aliança?
Moisés [Dt 10:1-3] ou Bezalel [Ex 37:1].

Levítico
O sangue do sacrifícios de animais nos livra dos pecados?
Sim. [Lv 4:20, 4:26, 4:31, 4:35, 5:10, 5:16, 5:18, 6:7, 17:11, Nm 15:27-28, 29:5]
Não. [Hb 10:4, 10:11]

Podemos comer algum "réptil" que voa?
Todos são imundos não podem ser comidos. [Dt 14:19]
Alguns podem ser comidos. [Lv 11:21-23]

Como um homem que faz sexo com uma mulher menstruada será castigado?
Ele estará sujo durante sete dias. [Lv 15:24]
Ele e a mulher serão expulsos. [Lv 20:18]

Julgar ou não julgar?
Não julgue. [Mt 7:1, Lc 6:37, Rm 2:1, Tg 4:12]
Julgue qualquer coisa e qualquer um. [Lv 19:15, Jo 7:24, I Co 2:15, 5:12-13, 6:2-3]

A Bíblia condena a astrologia?
Sim, a Bíblia condena a astrologia. [Lv 19:26, Dt 18:10-12, Is 47:13-14, Jr 10:2]
Não, a Bíblia aprova a astrologia. [Gn 1:14, Jz 5:20, Mt 2:1-2, Lc 21:25]

Deus ama a todos?
Sim, ele ama todos. [Jo 3:16, I Jo 4:8, 4:16]
Não, ele odeia algumas pessoas. [Lv 20:23, Sl 5:5, 11:5, Pv 6:16, 6:19, Ml 1:3, Rm 9:13]

As leis e rituais do Velho Testamento ainda são válidas?
Sim, elas serão para sempre. [Lv 23:14, 23:21, 23:31]
Não, não se aplicam mais. [Rm 7:6]

Devemos temer a Deus?
Sim. [Lv 25:17, Dt 6:2, 6:13, 6:24, 10:12, 10:20, 31:12, 31:13, Js 4:24, I Sm 12:14, II Rs 17:39, Jó 28:28, Sl 25:14, 33:8, 33:18, 34:9, 96:4, 103:11, 103:13, 103:17, 111:10, 112:1, 115:13, 128:1, 147:11, Pv 1:7, 22:4, 24:21, Ec 5:7, 12:13, Jr 5:22, Mt 10:28, Lc 1:50, 12:5, II Co 7:1, Ef 5:21, Hb 10:31, I Pe 2:17, Ap 14:7]
Não. [II Tm 1:7, I Jo 4:18]

Números
Quantos homens havia na tribo de Simeão?
59.300 [Nm 1:23] ou 22.200 [Nm 26:14].

É correto beber álcool?
Não. [Nm 6:3, Pv 20:1, 23:20-21, 23:29-30, 23:31-32, Is 5:11, 5:22, 28:7, Dn 1:8, Hc 2:15, Lc 1:15, Rm 13:13, 14:21, Gl 5:21, Ef 5:18]
Sim. [Jz 9:13, Sl 104:15, Pv 31:6-9, Ct 5:1, Jo 2:3-10, I Tm 5:23]

É correto o homem ter cabelos compridos?
Cabelos compridos é encorajado. [Nm 6:5, Jz 13:5, I Sm 1:11]
Cabelos compridos é vergonhoso. [I Co 11:14]

Devemos seguir nosso coração?
Nós devemos seguir nosso coração. [Ec 11:9]
Nós não devemos seguir nosso coração. [Nm 15:39]

Onde Arão morreu?
Arão morreu no Monte Hor. [Nm 20:27-28, 33:38]
Arão morreu em Mosera. [Dt 10:6]

Quantos Deus matou por prostituírem-se com as filhas dos moabitas?
23.000 [I Co 10:8] ou 24.000 [Nm 25:9].

A Bíblia condena o jogo?
Sim. [Pv 28:22, Jo 19:23-24]
Não. [Nm 26:52-56, Js 14:2, 18:6, 19:51, 21:8, I Cr 26:13-14, Ne 10:34, At 1:23-26]

Qual é a receita correta para o sacrifício da lua nova?
Dois bezerros, 1 carneiro, e 7 cordeiros. [Nm 28:11]
Um bezerro, 1 carneiro, e 6 cordeiros. [Ez 46:6]

Quanto tempo dura a ira de Deus?
A ira de Deus dura alguns momentos. [Sl 30:5, Jr 3:12, Mq 7:18]
A ira de Deus dura muito tempo. [Nm 32:13, Jr 17:4, Ml 1:4, Mt 25:41, 25:46]

Deuteronômio
O que Deus disse sobre os moabitas?
Os israelitas não lutariam contra eles, e a sua terra seria poupada. [Dt 2:9]
Com a ajuda de Deus, os israelitas os derrotariam e tomariam sua terra. [Jz 3:28-30]

A terra existirá para sempre?
Sim, a terra existirá para sempre. [Dt 4:40, Sl 37:29, 78:69, 104:5, Ec 1:4]
Não, a terra não existirá para sempre. Ela será destruída. [Sl 102:25-26, Is 65:17, Mt 5:18, 24:35, Mc 13:31, Lc 21:33, Hb 1:10-11, II Pe 3:10, 3:13, Ap 21:1]

Deus pode ser tentado?
Deus não pode ser tentado. [Tg 1:13]
Deus pode ser tentado. [Dt 6:16, Ml 3:15, Mt 4:7, Lc 4:12, At 15:10]

Deus sabe o que se passa no coração de cada um?
Sim. [Sl 44:21, 139:2-3, At 1:24]
Não. [Dt 8:2, 13:3, II Cr 32:31]

Os israelitas pouparam as arvores dos países que eles invadiram?
Não. [Dt 20:19]
Sim. [II Rs 3:19]

Algum moabita entrou na congregação do Senhor?
Não. [Dt.23:3]
Sim. [Rt 1:4, 4:13, 4:17]

Como os edomitas deveriam ser tratados?
Ser bom com eles. [Dt 23:7]
Matá-los. [II Rs 14:3-7, Ez 25:13, Ob 1:1, 1:8-9]

O divórcio é permitido?
O divórcio nunca será permitido. [Mc 10:11, Lc 16:18]
Somente quando a esposa é infiel. [Mt 5:32, 19:9]
Quando o cônjuge descrente escolhe partir. [I Co 7:15]
Quando o marido está descontente com sua esposa. [Dt 24:1-2]

É correto uma mulher divorciada se casar novamente?
Sim. [Dt 24:1-2]
Não. [Lc 16:18]

Temos livre arbítrio?
Sim. [Dt 30:19]
Não. [At 13:48, Rm 8:29-30, 9:11-22, Ef 1:4-5, II Ts 2:11-12, II Tm 1:9, Jd 1:4]

Josué
Deus destruiu as nações?
Deus promete destruir as nações. [Ex 33:2, Dt 7:1, 7:24, 31:3, Js 1:3-5, 3:10, 17:17-18, 21:43-44]
Existiram muitas nações. Deus não pôde destruí-las. [Js 15:63, 16:10, 17:12-13, Jz 1:21, 1:27-36, 3:1-5]

Quem foi o pai de Acã?
O pai de Acã foi Carmi. [Js 7:1]
O pai de Acã foi Zerá. [Js 7:24, 22:20]

A cidade de Ai existia depois de Josué destruí-la?
Não, ela nunca mais foi reconstruída depois que Josué a destruiu. [Js 8:28]
Sim, ela existiu todo o tempo do cativeiro na Babilônia. [Ne 7:32]

A quem foram dadas as cidades de Estaol e Zorá?
Foram dadas à Judá. [Js 15:20, 15:33]
Foram dadas à Dã. [Js 19:40-41]

Qual tribo veio de Aijalom?
Dã [Js 21:23-24] ou Efraim [I Cr 6:66, 6:69].

Quem comprou o sepulcro em Siquém dos filhos de Hamor?
Jacó. [Js 24:32]
Abraão. [At 7:16]

Juízes
Sísera foi assassinado enquanto dormia?
Sim, ele estava dormindo. [Jz 4:21]
Não, ele estava acordado. [Jz 5:26-27]

I Samuel
Samuel era um efrateu ou um levita?
Ele foi um efrateu. [I Sm 1:1-2, 1:20]
Ele foi um levita. [I Cr 6:27-28, 6:36-38]

Sobre o que a terra foi colocada?
Sobre o nada. [Jó 26:7]
Sobre pilares. [I Sm 2:8]

Quanto tempo a arca de Deus ficou na casa de Abinadabe?
Em [I Sm 7:1-2] diz que a arca foi trazida para a casa de Abinadabe e que ficou lá durante 20 anos. Isto foi antes de Saul ser rei [I Sm 10:24].
Mas de acordo com [II Sm 6:2-3], Davi removeu a arca da casa de Abinadabe. E em [At 13:21] diz que Saul (o antecessor de Davi) foi rei durante 40 anos. Assim, a arca deveria ter estado na casa de Abinadabe por mais de 40 anos.

Quem foi o filho primogênito de Samuel?
O filho primogênito de Samuel foi Joel. [I Sm 8:2]
O filho primogênito de Samuel foi Vasni. [I Cr 6:28]

Quem foi o pai de Quis?
Abiel. [I Sm 9:1]
Ner. [I Cr 8:33, 9.39]

Deus mente?
Deus não pode mentir. [I Sm 15:29, Tt 1:2, Hb 6:18]
Deus mente através de procuração; Ele envia espíritos mentirosos para enganar. [I Rs 22:23, II Cr 18:22, Jr 4:10, 20:7, Ez 14:9, II Ts 2:11]

Quantos filhos Jessé teve?
Jessé teve oito filhos. [I Sm 16:10-11]
Jessé teve sete filhos. [I Cr 2:13-15]

Quando Saul conheceu Davi?
Antes de Davi matar o filisteu. [I Sm 16:21-23]
Depois que Davi matou o filisteu. [I Sm 17:55-58]

Como Davi matou Golias?
Com uma funda. [I Sm 17:49-50]
Com uma espada. [I Sm 17:51]

Quando Davi fugiu para Nobe, qual era o nome do sacerdote?
O nome do sacerdote era Aimeleque. [I Sm 21:1]
O nome do sacerdote era Abiatar. [Mc 2:25-26]

Davi estava só quando pediu o pão santo de Nobe?
Ele estava só. [I Sm 21:1]
Ele estava com outros. [Mt 12:3-4, Mc 2:25-26, Lc 6:3-4]

Abiatar era pai ou filho de Aimeleque?
Abiatar era filho de Aimeleque. [I Sm 22:20, 23:6]
Abiatar era pai de Aimeleque. [II Sm 8:17, I Cr 18:16, 24:6]

Saul indagou a Deus?
Saul indagou a Deus. [I Sm 28:6]
Saul não indagou a Deus. [I Cr 10:13-14]

Jesus foi o primeiro a voltar dos mortos?
Jesus foi a primeira pessoa a voltar dos mortos. [At 26:23]
Outros voltaram dos mortos antes dele. [I Sm 28:11, 28:14, I Rs 17:22, II Rs 4:32-35, 13:21, Mt 9:23-25, Lc 7:12-15, 9:30, Jo 11:43]

Como Saul morreu?
Saul cometeu suicídio. [I Sm 31:4-6, I Cr 10:4]
Saul foi morto por um amalequita. [II Sm 1:8-10]
Saul foi morto pelos filisteus. [II Sm 21:12]
Deus o matou. [I Cr 10:14]

II Samuel
A família de Saul morreu com ele?
Toda a família de Saul morreu com ele. [I Cr 10:6]
Houve um sobrevivente; O filho de Saul, Isbosete. [II Sm 2:7-9]

Os filhos de Davi nascidos em Hebrom.
Amom, Quileabe, Absalão, Adonias, Sefatias, Itreão. [II Sm 3:2-5]
Amnom, Daniel, Absalão, Adonias, Sefatias, Itreão. [I Cr 3:1-4]

Os filhos de Davi nascidos em Jerusalém.
Samua, Sobabe, Natã, Salomão, Ibar, Elisua, Nefegue, Jafia, Elisama, Eliada, Elifelete. [II Sm 5:14-16]
Siméia, Sobabe, Natã, Salomão, Ibar, Elisama (listado em duplicidade), Elifelete (listado em duplicidade), Nogá, Nefegue, Jafia, Eliada. [I Cr 3:5-8]
Samua, Sobabe, Natã, Salomão, Ibar, Elisua, Elpelete, Nogá, Nefegue, Jafia, Elisama, Beeliada, Elifelete. [I Cr 14:3-7]

Onde Deus matou Uzá?
Deus matou Uzá em Nacom. [II Sm 6:6]
Deus matou Uzá em Quidom. [I Cr 13:9]

Quantos cavaleiros Davi levou?
Davi levou mil e seiscentos cavaleiros. [II Sm 8:4]
Davi levou sete mil cavaleiros. [I Cr 18:4]

Quantos homens Davi matou?
Davi matou 700 homens com carruagens e 40.000 cavaleiros. [II Sm 10:18]
Davi matou 7.000 homens com carruagens e 40.000 homens a pé. [I Cr 19:18]

Quantos filhos Absalão teve?
Absalão não teve filhos. [II Sm 18:18]
Absalão teve três filhos. [II Sm 14:27]

Quem foi o pai de Amasa?
O pai de Amasa foi Itra, o israelita. [II Sm 17:25]
O pai de Amasa foi Jéter, o ismaelita. [I Cr 2:17]

Quantos homens matou o chefe dos capitães de Davi?
300 [I Cr 11:11] ou 800 [II Sm 23:8].

Quem tentou Davi para numerar Israel?
Deus. [II Sm 24:1]
Satanás. [I Cr 21:1]

Quantos soldados?
O número de guerreiros de Israel era 800.000 e de Judá 500.000. [II Sm 24:9]
O número de guerreiros de Israel era 1.100.000 e de Judá 470.000. [I Cr 21:5]

Davi pecou?
Davi pecou ao numerar o povo. [II Sm 24:10]
Davi nunca pecou, exceto no caso de Urias. [I Rs 15:5]

Quantos anos de fome?
Uma das penas pelo pecado de Davi, foram sete anos de fome. [II Sm 24:13]
Não foram sete anos, mas três anos de fome. [I Cr 21:12]

Por quanto Davi comprou o local do altar?
Por cinqüenta siclos de prata. [II Sm 24:24]
Por seiscentos siclos de ouro. [I Cr 21:25]

I Reis
Quem foi o maior: Jesus ou Salomão?
Jesus. [Mt 12:42, Lc 11:31, Cl 2:2-3]
Salomão. [I Rs 3:12]

Quantas estrebarias Salomão teve?
Salomão teve 40.000 estrebarias. [I Rs 4:26]
Salomão teve 4.000 estrebarias. [II Cr 9:25]

Quantos inspetores Salomão teve?
Salomão teve 3.300 inspetores. [I Rs 5:16]
Salomão teve 3.600 inspetores. [II Cr 2:18]

A qual tribo Hirão pertencia?
Hirão era da tribo de Naftali. [I Rs 7:13-14]
Hirão era da tribo de Dã. [II Cr 2:13-14]

Que altura tinha as colunas do templo?
As colunas tinham 18 côvados de altura. [I Rs 7:15]
As colunas tinham 35 côvados de altura. [II Cr 3:15]

Qual foi o volume de fundição usado no templo de Salomão?
2.000 batos. [I Rs 7.26]
3.000 batos. [II Cr 4:5]

O que existia dentro da arca do concerto?
Somente as duas tábuas de Moisés. [I Rs 8:9, II Cr 5:10]
As tábuas de Moisés, um vaso de ouro com maná, e a vara de Arão. [Hb 9:4]

Deus habita as trevas ou a luz?
Deus habita as trevas. [I Rs 8:12, II Cr 6:1, Sl 18:11, 97:2]
Deus habita a luz. [I Tm 6:15-16]

Deus habita os templos?
Deus habita os templos. [I Rs 8:13, II Cr 7:12, 7:16]
Deus não habita os templos. [At 7:48]

O cristão peca?
Nenhum é livre de pecado. [I Rs 8:46, II Cr 6:36, Pv 20:9, Ec 7:20, Rm 3:23, I Jo 1:8, 1:10]
Cristãos não tem pecado. (Somente os não-cristãos possuem.) [Rm 5:14, I Jo 3:6, 3:9, 5:18, III Jo 1:11]

Quantos chefes de oficiais Salomão teve?
550 [I Rs 9:23] ou 250 [II Cr 8:10].

Quantos talentos de ouro Hirão enviou a Salomão?
420 [I Rs 9:27-28] ou 450 [II Cr 8:18].

Quem era a avó materna de Abias?
Absalão. [I Rs 15:2]
Uriel. [II Cr 13:1-2]

Asa removeu os altos?
Asa removeu os altos. [II Cr 14:3-5]
Asa não removeu os altos. [I Rs 15:14, II Cr 15:17]

Quando Baasa morreu?
No 26º ano do reinado de Asa. [I Rs 16:6-8]
No 36º ano do reinado de Asa. [II Cr 16:1]

Existe a ressurreição dos mortos?
A morte é o fim. Não existe ressurreição dos mortos. [Jó 7:9, Sl 6:5, 88:4-5, 115:17, Ec 3:19, 9:5, 9:10, Is 26:14, 38:18]
A morte não é o fim. Haverá a ressurreição dos mortos. [I Rs 17:22, II Rs 4:32-35, 13:21, Dn 12:1, Mt 9:24-25, 25:46, 27:52-53, Mc 5:39-42, Lc 7:12-15, 9:30, 20:37, Jo 11:39-44, At 26:23, I Co 15:16, 15:52, Ap 20:12-13]

Jeú era filho ou neto de Ninsi?
Jeú era filho de Ninsi. [I Rs 19:16]
Jeú era neto de Ninsi. [II Rs 9:2]

Eliseu recebeu o manto de Elias antes ou depois dele ser levado ao céu?
Antes. [I Rs 19:19]
Depois. [II Rs 2:11-13]

II Reis
Quando começou o reinado de Acazias?
No 12º ano de Jorão. [II Rs 8:25]
No 11º ano de Jorão. [II Rs 9:29]

Que idade Acazias tinha quando começou a reinar?
22 anos. [II Rs 8:26]
42 anos. [II Cr 22:2]

Onde Joás foi enterrado?
Ele foi enterrado com os outro reis. [II Rs 12:20-21]
Ele não foi enterrado com os outros reis. [II Cr 24:24-25]

Quanto durou o reinado de Jotão?
20 anos. [II Rs 15:30]
16 anos. [II Rs 15:32-33]

Acaz foi sepultado com seus pais?
Sim. [II Rs 16:20]
Não. [II Cr 28:27]

Como o rei Josias morreu?
Ele teve uma morte tranqüila. [II Rs 22:20]
Ele morreu em batalha. [II Rs 23:29-30, II Cr 35:23-24]

Onde Josias morreu?
Ele morreu em Megido. [II Rs 23:29-30]
Ele morreu em Jerusalém. [II Cr 35:23-24]

Quem sucedeu Jeoaquim como rei?
Ele foi sucedido como rei pelo seu filho. [II Rs 24:6]
Ele não teve sucessor. [Jr 36:30]

Que idade Joaquim tinha quando começou seu reinado?
Joaquim tinha 18 anos de idade e seu reinado foi de 3 meses. [II Rs 24:8]
Joaquim tinha 8 anos de idade e seu reinado foi de 3 meses e 10 dias. [II Cr 36:9]

Zedequias era tio ou irmão de Nabucodonosor?
Zedequias era tio de Nabucodonosor. [II Rs 24:17]
Zedequias era irmão de Nabucodonosor. [II Cr 36:10]

Os olhos de Zedequias viram o rei da Babilônia?
Os olhos de Zedequias viram o rei da Babilônia. [Jr 34:3]
Os olhos de Zedequias foram retirados antes que ele chegasse a Babilônia. [II Rs 25:7]

Em qual dia o templo foi queimado?
O templo foi queimado no sétimo dia. [II Rs 25:8-9]
O templo foi queimado no décimo dia. [Jr 52:12-13]

Que altura tinha o capitel de cobre?
O capitel tinha cinco côvados de altura. [Jr 52:22]
O capitel tinha três côvados de altura. [II Rs 25:17]

Quantos homens estavam na presença do rei?
Cinco homens. [II Rs 25:19]
Sete homens. [Jr 52:25]

Em que dia do mês Joaquim saiu da prisão?
No 27º dia do mês. [II Rs 25:27]
No 25º dia do mês. [Jr 52:31]

I Crônicas
Gerações desde Davi até o cativeiro babilônico.
Salomão, Roboão, Abias, Asa, Josafá, Jeorão, Acazias, Joás, Amazias, Jotão, Acaz, Ezequias, Manassés, Amom, Josias, Jeoaquim, Jeconias. [I Cr 3:10-16]
Salomão, Roboão, Abias, Asa, Josafá, Jorão, Uzias, Jotão, Acaz, Ezequias, Manassés, Amom, Josias, Jeconias. [Mt 1:6-11]

Jeconias era filho ou neto de Josias?
Ele era filho de Josias. [Mt 1:11]
Ele era neto de Josias. [I Cr 3:15-16]

Jeconias teve algum filho?
Jeconias não teve filhos. [Jr 22:28-30]
Jeconias teve vários filhos, um deles, ancestral de Jesus. [I Cr 3:17-18, Mt 1:12]

Quem foi o pai de Zorobabel?
Seu pai foi Pedaías. [I Cr 3:19]
Seu pai foi Sealtiel. [Ed 3:2, Ne 12:1]

II Crônicas
Asa foi perfeito?
Sim. [II Cr 15:17]
Não. [II Cr 16:7, 16:10, 16:12]

Quem foi o pai de Zacarias?
Zacarias era filho de Joiada. [II Cr 24:20]
Zacarias era filho de Baraquias. [Mt 23:35]

Jeoaquim morreu na Babilônia ou perto de Jerusalém?
Ele morreu na Babilônia. [II Cr 36:5-6]
Ele morreu perto de Jerusalém. [Jr 22:18-19]

Esdras
Quantos descendentes de Ará voltaram da Babilônia?
775 [Ed 2:5] ou 652 [Ne 7:10].

Quantos descendentes de Paate-Moabe e Jesua-Joabe voltaram da Babilônia?
2.812 [Ed 2:6] ou 2.818 [Ne 7:11].

Quantos descendentes de Zatu voltaram da Babilônia?
945 [Ed 2:8] ou 845 [Ne 7:13].

Quantos descendentes de Bani voltaram da Babilônia?
642 [Ed 2:10] ou 648 [Ne 7:15].

Quantos descendentes de Bebai voltaram da Babilônia?
623 [Ed 2:11] ou 628 [Ne 7:16].

Quantos descendentes de Azgade voltaram da Babilônia?
1.222 [Ed 2:12] ou 2.322 [Ne 7:17].

Quantos descendentes de Adonicão voltaram da Babilônia?
666 [Ed 2:13] ou 667 [Ne 7:18].

Quantos descendentes de Bigvai voltaram da Babilônia?
2.056 [Ed 2:14] ou 2.067 [Ne 7:19].

Quantos descendentes de Adim voltaram da Babilônia?
454 [Ed 2:15] ou 655 [Ne 7:20].

Quantos descendentes de Besai voltaram da Babilônia?
323 [Ed 2:17] ou 324 [Ne 7:23].

Quantos descendentes de Belém e Netofa voltaram da Babilônia?
179 [Ed 2:21-22] ou 188 [Ne 7:26].

Quantos descendentes de Lode, Hadide e Ono voltaram da Babilônia?
725 [Ed 2:33] ou 721 [Ne 7:37].

Quantos descendentes de Senaá voltaram da Babilônia?
3.630 [Ed 2:35] ou 3.930 [Ne 7:38].

Quantos descendentes de Asafe voltaram da Babilônia?
128 [Ed 2:41] ou 148 [Ne 7:44].

Quantos filhos dos porteiros voltaram da Babilônia?
139 [Ed 2:42] ou 138 [Ne 7:45].

Quantos descendentes de Delaías, Tobias e Necoda voltaram da Babilônia?
652 [Ed 2:60] ou 642 [Ne 7:62].

Quantos cantores voltaram da Babilônia?
200 [Ed 2:65] ou 245 [Ne 7:67].

Quanto ouro, prata e roupas o povo deu para o templo?
Eles deram 61.000 daricos de ouro, 5.000 arráteis de prata e 100 vestes sacerdotais. [Ed 2:69]
Eles deram 20.000 daricos de ouro, 2.000 arráteis de prata e 67 vestes sacerdotais. [Ne 7:72]

Zacarias era filho ou neto de Ido?
Zacarias era filho de Ido. [Ed 5:1, 6:14]
Zacarias era neto de Ido. [Zc 1:1]


Quem trouxe o mal para Jó?
Satanás. [Jó 2:7]
Deus. [Jó 42:11]

Deus destrói ao íntegro e o mau?
Deus destrói a ambos. [Jó 9:22, Ec 7:15, Ez 21:3]
Deus destrói o mau, não o íntegro. [Ez 18:8-9, 18:19-20, 33:18-19]

Deus pode ser encontrado através da razão?
Pode-se encontrar a existência e natureza de Deus através da razão. [Rm 1:20]
Não pode-se encontrar a existência e natureza de Deus na razão. [Jó 11:7]

Aqueles que praticam o mal prosperam?
Os que praticam o mal prosperam. [Jó 12:6, Sl 73:3-7, 73:12, Jr 12:1]
Os que praticam o mal ficam desolados. [Sl 34:21]

Salmos
É bom ser tolo?
É bom ser tolo. [I Co 1:21, 3:18, 4:10]
Não é bom ser tolo. [Sl 5:5]

Deus ajuda nas horas de necessidade?
Deus se esconde daqueles de precisam de sua ajuda. [Sl 10:1, 22:1-2, Is 1:15, 45:15, Ez 20:3, Os 5:6, Hc 1:2]
Deus está sempre pronto a ajudar nas horas de necessidade. [Sl 46:1, 145:18, Na 1:7]

Toda palavra de Deus é pura?
Toda palavra de Deus é pura. [Sl 12:6, 119:140, Pv 30:5]
Às vezes a "palavra de Deus" é impura. [II Rs 18:27, Ez 23:20, Hc 2:16, Ml 2:3]

É certo chamar alguém de louco?
É certo chamar alguém de louco. [Sl 14:1, 53:1, Mt 23:17, 23:19, Lc 11:40, 24:25, Rm 1:21-22, I Co 15:36, Gl 3:1]
Não é certo chamar alguém de louco. [Mt 5:22]

A lei de Deus é perfeita?
Sim. [Sl 18:30]
Não. [Hb 8:6-7]

Deus pode ser encontrado?
Deus pode ser encontrado por aquele que o procura. [Pv 8:17, Mt 7:8, Lc 11:9-10]
Deus não pode ser encontrado por quem o procura. [Sl 18:41, Pv 1:28, Lm 3:8, 3:44, Am 8:12, Lc 13:24]

Como devemos tratar nossos inimigos?
Devemos amá-los, ser gentil com eles, e tratá-los bem. [Mt 5:44, Lc 6:35]
Devemos odiá-los e desejar-lhes mal. [Sl 35:6-8, 55:15, 58:6-7, 69:22-28, 83:9-10, 83:15-17, 109:6-14, Lm 1:21-22, 3:64-66, I Co 16:22]

Riqueza é um sinal de integridade ou de maldade?
Riqueza é um sinal de integridade. [Sl 37:25, 112:1-3, Pv 15:6]
Riqueza é um sinal de maldade. [Lc 6:24, Tg 5:1]

Deus dorme?
Deus nunca dorme. [Sl 121:3-4]
Algumas vezes Deus dorme. [Sl 44:23]

Devemos nos alegrar quando nossos inimigos sofrem?
Sim. [Sl 58:10]
Não. [Pv 24:17]

Salvação é só uma questão de fé?
Salvação é só uma questão de fé. [Mc 16:16, Jo 3:18, 3:36, At 16:30-31, Rm 1:16-17, 3:20, 3:28, 4:2, 4:13, 5:1, 10:9, Gl 2:16, 3:11-12, Ef 2:8-9, Tt 3:5]
Salvação não é só uma questão de fé. [Sl 62:12, Pv 10:16, Jr 17:10, Ez 18:27, Mt 12:37, 16:27, 19:17, 25:41-46, Lc 10:26-28, Jo 5:29, Rm 2:6, 2:13, II Co 5:10, 11:15, Fp 2:12, Tg 2:14, 2:17, 2:21-25, I Pe 1:17, Ap 2:23, 20:12-13]

Somente Deus é santo?
Somente Deus é santo. [Ap 15:4]
Outros são santos também. [Sl 86:2]

O que acontecerá com o justo?
O justo florescerá. [Sl 92:12]
O justo perecerá. [Is 57:1]

Somente Deus faz maravilhas?
Somente Deus pode fazer maravilhas. [Sl 136:4]
Satanás pode fazer maravilhas também. [II Ts 2:9]

Onde Deus vive?
Ele vive em Sião. [Sl 9:11, 76:2, Jl 3:17, 3:21]
Ele vive no céu. [Sl 123:1, Ec 5:2]

Provérbios
A sabedoria faz as pessoas felizes?
A sabedoria faz pessoas felizes. [Pv 3:13]
A sabedoria faz pessoas miseráveis. [Ec 1:18]

Sabedoria é uma coisa boa?
Sabedoria é uma coisa boa. [Pv 4:7]
Sabedoria deve ser evitada. [I Co 1:19]

Coisas ruins acontecem à pessoas boas?
Coisas ruins acontecem à pessoas boas. [Hc 1:4, 1:13, Hb 12:6]
Coisas ruins não acontecem à pessoas boas. [Pv 12:21, 19:23, I Pe 3:13]

Nós deveríamos acreditar em tudo?
Nós deveríamos acreditar em tudo. [I Co 13:7]
Nós só deveríamos acreditar quando há evidências concretas. [Pv 14:15, I Ts 5:21]

Deus quer que todos vão para o céu?
Deus quer que todos vão para o céu. [I Tm 2:3-4, II Pe 3:9]
Deus quer que todos vão para o inferno. [Pv 16:4, Jo 12:40, Rm 9:18, II Ts 2:11-12]

Se Deus gostar de você, todo o mundo gostará também?
Se Deus gostar de você, até seis inimigos gostarão. [Pv 16:7]
Se você for fiel a Deus, você será perseguido. [II Tm 3:12]

É bom estar contente?
É bom estar contente. [Pv 17:22, Ec 8:15]
Felicidade deverá ser evitada. [Ec 7:3-4, Lc 6:25]

Devemos responder a um tolo?
Devemos responder a um tolo. [Pv 26:5]
Não devemos responder a um tolo. [Pv 26:4]

Eclesiastes
Dinheiro é bom ou ruim?
Dinheiro é a resposta a todos os nossos problemas. [Ec 10:19]
Dinheiro é a origem de todo o mal. [I Tm 6:10]

Isaías
Todos verão a majestade de Deus?
Todos verão a majestade de Deus. [Is 40:5]
Nem todos verão a majestade de Deus. [Is 26:10]

Deus fica furioso?
Deus nunca fica furioso. [Is 27:4]
Deus as vezes fica furioso. [Is 34:2, Jr 21:5, 30:23, Mq 5:15, Na 1:2, Zc 8:2]

Jeremias
Nós devemos procurar sinais nos céus?
Sim. [Lc 21:11]
Não. [Jr 10:2]

Quando Nabucodonosor veio a Jerusalém?
No terceiro ano do reinado de Jeoaquim. [Dn 1:1]
Somente depois do quarto ano. [Jr 25:1]

Aqueles que chamam o nome do Senhor serão ouvidos?
Todos aqueles que chamam o nome do Senhor serão ouvidos. [Jl 2:32, At 2:21, Rm 10:13]
Nem todos os que chamam o nome do Senhor serão ouvidos. [Jr 14:12, Ez 8:18, Mq 3:4, Mt 7:21]

Oséias
Efraim retornou ao Egito?
Efraim retornou ao Egito. [Os 8:11-13, 9:3]
Efraim não retornou ao Egito. [Os 11:3-5]

Jonas
Jonas foi engolido por um peixe ou uma baleia?
Jonas foi engolido por um peixe grande. [Jn 1:17]
Jonas foi engolido por uma baleia. [Mt 12:40]


Mateus
Genealogia de Jesus (Mateus x Lucas) desde Davi.
Davi, Salomão, Roboão, Abias, Asa, Josafá, Jorão, Uzias, Jotão, Acaz, Ezequias, Manassés, Amom, Josias, Jeconias, Salatiel, Zorobabel, Abiúde, Eliaquim, Azor, Sadoque, Aquim, Eliúde, Eleazar, Matã, Jacó, José, Jesus. [Mt 1:6-16]
Davi, Natã, Matatá, Mená, Meleá, Eliaquim, Jonã, José, Judá, Simeão, Levi, Matate, Jorim, Eliézer, Josué, Er, Elmadã, Cosã, Adi, Melqui, Neri, Salatiel, Zorobabel, Resa, Joanã, Jodá, José, Semei, Matatias, Maate, Nagai, Esli, Naum, Amós, Matatias, José, Janai, Melqui, Levi, Matate, Eli, José, Jesus. [Lc 3:23-31]

Quem era o pai de José?
Jacó. [Mt 1:16]
Eli. [Lc 3:23]

José era o pai de Jesus?
José era o pai de Jesus. [At 2:30, 13:23, Rm 1:3, II Tm 2:8, Hb 2:16, Ap 22:16]
José não era o pai de Jesus. [Mt 1:18, 22:45, Mc 12:35-37, Lc 1:31-35]

Jesus, Maria e José foram para o Egito ou Nazaré?
Eles foram para o Egito depois do nascimento de Jesus. [Mt 2:14]
Eles foram para Nazaré depois do nascimento de Jesus. [Lc 2:39]

A quem Deus se dirigiu no batismo de Jesus?
No batismo dele, Deus se dirigiu a Jesus diretamente. [Mc 1:11, Lc 3:22]
Deus se dirigiu à aqueles que testemunharam o batismo de Jesus. [Mt 3:17]

Devemos servir somente à Deus?
Os homens servem somente à Deus. [Mt 4:10, 23:10]
Alguns homens devem servir à outros homens. [Ef 6:5, Cl 3:18, 3:20, 3:22, I Tm 6:1, Tt 2:9, I Pe 2:18]

Devemos mostrar aos outros nossas boas ações?
Sim, devemos mostrar. [Mt 5:16, I Pe 2:12]
Não devemos mostrar. [Mt 6:1, 23:3, 23:5]

Os cristãos devem orar em público?
Os cristãos não devem orar em público. [Mt 6:5-6]
Os cristãos devem orar em público. [I Tm 2:8]

Os cristãos sabem rezar?
Sim, Jesus disse como fazê-lo. [Mt 6:9-13]
Não, eles não sabem rezar. [Rm 8:26]

Os cristãos devem se interessar por coisas materiais?
Não, eles não devem. [Mt 6:31, 6:34]
Sim, eles devem. [I Tm 5:8]

O centurião pediu a Jesus para ajudar seu criado?
Sim, ele lhe pediu diretamente. [Mt 8:5-9]
Não, ele mandou outros pedirem. [Lc 7:1-7]

O que acontecerá aos judeus quando eles morrem?
Eles irão para inferno. [Mt 8:12]
Eles serão salvos. [Rm 11:26]

Quantos homens foram possuídos por demônios?
Somente um homem foi possuído por demônios. [Mc 5:1-2, Lc 8:26-27]
Dois homens foram possuídos por demônios. [Mt 8:28]

A filha de Jairo estava viva quando Jesus chegou?
Ela já estava morta quando Jesus chegou. [Mt 9:18]
Ela ainda estava viva quando Jesus chegou. [Mc 5:22-23, Lc 8:41-42]

Quem foram os apóstolos?
Simão (Pedro), André (irmão de Pedro), Tiago (filho de Zebedeu), João (irmão de Tiago), Filipe, Bartolomeu, Tomé, Mateus, Tiago (filho de Alfeu), Lebeu (Tadeu), Simão (Zelote), Judas (Iscariotes). [Mt 10:2-4, Mc 3:16-18]
Simão (Pedro), André (irmão de Pedro), Tiago, João, Filipe, Bartolomeu, Mateus, Tomé, Tiago (filho de Alfeu) Simão (Zelote), Judas (filho de Tiago), Judas (Iscariotes). [Lc 6:14-16, At 1:13]

O evangelho deve ser pregado a todo o mundo?
Não, o evangelho não será pregado aos gentios e samaritanos. [Mt 10:5-6, 15:24, At 16:6]
Sim, o evangelho será pregado a todo o mundo, inclusive aos gentios e samaritanos. [Mt 28:19, Mc 16:15, At 8:25, 15:3, 22:21, 28:28]

Jesus disse para seus apóstolos andarem descalços?
Ele lhes disse para andarem descalços. [Mt 10:10, Lc 9:3]
Ele lhes disse para usarem sandálias. [Mc 6:8-9]

Quando o fim do mundo virá?
Antes de o evangelho ser pregado a todas as cidades de Israel. [Mt 10:23]
Depois que o evangelho for pregado a todas as nações da terra. [Mt 24:14]

Jesus veio trazer a paz?
Sim, ele veio trazer a paz. [Lc 2:14, Jo 14:27, At 10:36]
Não, ele não veio trazer a paz. [Mt 10:34, Lc 12:51, 22:36]

João Batista era Elias?
Sim, ele era Elias. [Mt 11:13-14, 17:12-13, Mc 9:13]
Não, ele não era Elias. [Jo 1:21]

Há pecado imperdoável?
Sim, há pecado imperdoável. [Mt 12:31-32, Mc 3:29, Lc 12:10]
Não, não há nenhum pecado imperdoável. [At 13:39]

Como as pessoas são julgadas por Deus?
Pelas suas palavras e ações. [Mt 12:37, Lc 10:26-28, Jo 5:29]
Pelas suas convicções (e nascendo novamente). [Mc 16:16, Jo 3:3, 3:18, 3:36]

Jesus fez muitos sinais e maravilhas?
Sim, ele fez muitos sinais e maravilhas. [Mc 16:20, Jo 3:2, 20:30, At 2:22]
Não, ele não fez muitos sinais e maravilhas. [Mt 12:39, 16:4, Mc 8:12, Lc 11:29]

Quando a transfiguração aconteceu?
Seis dias depois que Jesus predissesse a sua morte. [Mt 16:28 - 17:2, Mc 9:1-2]
Oito dias depois que Jesus predissesse a sua morte. [Lc 9:27-28]

É uma boa coisa ser infantil?
Sim, é bom ser infantil. [Mt 18:3, 19:14, Mc 10:15, Lc 18:17]
Não, não é bom ser infantil. [I Co 13:11, 14:20, Ef 4:14]

Jesus preveniu os apóstolos de sua morte e ressurreição?
Sim, ele preveniu. [Mt 20:18-19, Mc 8:31, 10:33-34, 14:28, Lc 18:31-33]
Não, ele não preveniu. [Jo 20:9]

Quanto poder Jesus teve?
Algumas coisas Jesus não tinha poder para fazer. [Mt 20:23, Mc 6:5]
Jesus é todo-poderoso. [Mt 28:18]

Quantos cegos foram curados perto de Jericó?
Dois. [Mt 20:30]
Somente um. [Mc 10:46, Lc 18:35]

Jesus montou em que em Jerusalém?
Em uma jumenta e um jumentinho. [Mt 21:5-7]
Em um jumentinho. [Mc 11:7, Lc 19:35, Jo 12:14]

Quando Jesus amaldiçoou a figueira?
Antes de expulsar os comerciantes do templo. [Mc 11:12-17]
Depois de expulsar os comerciantes do templo. [Mt 21:12, 21:17-19]

Quando a figueira amaldiçoada morreu?
Morreu imediatamente. [Mt 21:19-20]
Ela não morreu até a manhã seguinte. [Mc 11:13-14, 20-21]

A segunda vinda de Jesus será visível a todos?
Sim. [Mt 24:30, Mc 13:26, Lc 21:27, Ap 1:7]
Não. [Jo 14:19]

Jesus sabe de tudo?
Sim, ele sabe. [Jo 16:30, 21:17, Cl 2:2-3]
Não, ele não sabe. [Mt 24:36, Mc 13:32]

Jesus disse que ele sempre estaria com os seus discípulos?
Sim. [Mt 28:20]
Não. [Mt 26:11, Mc 14:7, Jo 12:8]

Jesus disse: antes que o galo cante ou antes que o galo cante duas vezes?
Antes que o galo cante. [Mt 26:34, Lc 22:34, Jo 13:38]
Antes que o galo cante duas vezes. [Mc 14:30]

O galo cantou antes ou depois da negação de Pedro?
Pedro negou Jesus três vezes antes de o galo cantar. [Mt 26:70, 26:72, 26:74, Lc 22:57-60, Jo 18:17, 18:25-27]
O galo cantou depois da primeira negação de Pedro. [Mc 14:67-72]

Como Jesus respondeu quando questionado pelo sumo sacerdote?
Ele não respondeu diretamente. [Mt 26:63-64]
Ele respondeu diretamente dizendo, "Eu o sou". [Mc 14:62]

A quem Jesus fez o primeiro aparecimento após a sua ressurreição?
Maria Madalena e outra Maria. [Mt 28:1, 28:9]
Maria Madalena. [Mc 16:9, Jo 20:11-14]
Cleopas e um outro. [Lc 24:13-31]
Cefas. [I Co 15:4-5]

Para quem Pedro negou conhecer Jesus?
Uma criada, outra criada, e então uma multidão das pessoas. [Mt 26:69-73]
Uma criada do sumo sacerdote, a mesma criada novamente, e então uma multidão das pessoas. [Mc 14:66-71]
Uma criada, um homem, e então outro homem. [Lc 22:54-60]
Uma porteira, várias pessoas anônimas, um dos criados do sumo sacerdote. [Jo 18:15-17, 25-27]

Como Judas morreu?
Ele se enforcou. [Mt 27:5]
Ele caiu e morreu. [At 1:18]

Quem comprou o campo do oleiro?
Os príncipes dos sacerdotes compraram o campo do oleiro. [Mt 27:6-7]
Judas comprou o campo do oleiro. [At 1:18]

Jesus ficou calado durante o julgamento diante de Pilatos?
Ele ficou calado. [Mt 27:12-14]
Ele respondeu todas perguntas. [Jo 18:33-38]

Qual era a cor do manto de Jesus?
Escarlate. [Mt 27:28]
Púrpura. [Mc 15:17, Jo 19:2]

Quem levou a cruz de Jesus?
Jesus levou a própria cruz. [Jo 19:17]
Simão, o Cirineu levou a cruz de Jesus. [Mt 27:32, Mc 15:21, Lc 23:26]

O que os soldados deram para Jesus beber?
Vinagre e fel. [Mt 27:34]
Vinho e mirra. [Mc 15:23]
Vinagre e hissopo. [Jo 19:29]

O que dizia a placa acima da cabeça de Jesus?
"ESTE É JESUS, O REI DOS JUDEUS." [Mt 27:37]
"O REI DOS JUDEUS." [Mc 15:26]
"ESTE É O REI DOS JUDEUS." [Lc 23:38]
"JESUS NAZARENO, REI DOS JUDEUS." [Jo 19:19]

Ambos os ladrões insultaram Jesus?
Ambos os ladrões insultaram Jesus. [Mt 27:44, Mc 15:32]
Só um ladrão insultou Jesus. [Lc 23:39-42]

Quais foram as últimas palavras de Jesus?
"Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?" [Mt 27:46]
"Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito." [Lc 23:46]
"Está consumado." [Jo 19:30]

Do que o centurião chamou Jesus quando ele morreu?
O Filho de Deus. [Mt 27:54, Mc 15:39]
Um homem justo. [Lc 23:47]

De onde as mulheres assistiram a crucificação?
Elas estavam de pé ao longe. [Mt 27:55, Mc 15:40, Lc 23:49]
Elas estavam próximas a cruz. [Jo 19:25]

Quando as mulheres (ou mulher) chegaram ao sepulcro?
Enquanto ainda era escuro. [Jo 20:1]
Ao amanhecer. [Mt 28:1, Mc 16:1-2]

Quantas mulheres chegaram ao sepulcro?
Uma. [Jo 20:1]
Duas. [Mt 28:1]
Três. [Mc 16:1]
Cinco ou mais. [Lc 24:1, 24:10]

Quem as mulheres viram na tumba?
Um anjo. [Mt 28:2]
Um homem jovem. [Mc 16:5]
Dois homens. [Lc 24:4]
Dois anjos. [Jo 20:12]

A tumba estava aberta ou fechada quando as mulheres chegaram?
A tumba estava aberta. [Lc 24:2]
A tumba estava fechada. [Mt 28:2]

Os homens ou anjos estavam dentro ou fora da tumba quando as mulheres chegaram?
Fora. [Mt 28:2]
Dentro. [Mc 16:5, Lc 24:3-4, Jo 20:11-12]

As mulheres falaram imediatamente para os discípulos?
Eles correram para falar aos discípulos imediatamente. [Mt 28:8, Lc 24:8-9]
Eles não contaram para ninguém porque ficaram com medo. [Mc 16:8]

Maria Madalena reconheceu Jesus quando ele apareceu a ela?
Ela reconheceu Jesus quando ele apareceu a ela. [Mt 28:9]
Ela não reconheceu Jesus quando ele apareceu a ela. [Jo 20:14]
Jesus não apareceu a ela; ela teve uma visão onde anjos lhe falaram que ele estava vivo. [Lc 24:23]

Jesus foi tocado antes da sua ascensão?
Jesus não deixou as pessoas o tocarem antes da sua ascensão. [Jo 20:17]
Jesus permitiu as pessoas o tocarem antes da sua ascensão. [Mt 28:9, Lc 24:39, Jo 20:26-27]

Onde Jesus disse para os discípulos buscarem-no depois da sua ressurreição?
Ele lhes disse que fossem para a Galiléia. [Mt 28:10, Mc 16:7]
Ele lhes disse que permanecessem em Jerusalém. [Lc 24:49, At 1:4]

Jesus apareceu para dez, onze ou os doze discípulos?
Dez. [Jo 20:19-24]
Onze. [Mt 28:16, Mc 16:14, Lc 24:33, 24:36]
Doze. [I Co 15:5]

Quando o céu foi criado?
O céu foi criado quando a terra foi criada. [Mt 25:34]
O céu foi criado depois da ascensão de Jesus. [Jo 14:2]

Marcos
O que Jesus fez depois do seu batismo?
Ele foi para o deserto e foi tentado pelo diabo durante 40 dias. [Mc 1:12-13]
Ele chamou seus discípulos e assistiu um casamento em Caná. [Jo 1:35 , 1:43; 2:1]

O que veio primeiro: o chamado de Pedro e André ou a prisão de João Batista?
A prisão de João Batista. [Mc 1:14-17]
O chamado de Pedro e André. [Jo 1:40-42, 3:22-24]

Jesus disse, "Derrubai este templo, e em três dias o levantarei"?
Sim, ele disse. [Jo 2:19]
Não, ele não disse. [Mc 14:57-58]

Quando Jesus foi crucificado?
Ele foi crucificado na terceira hora. [Mc 15:25]
Ele foi crucificado depois da sexta hora. [Jo 19:14-16]
Lucas
Quando o Espírito Santo foi dado?
O Espírito Santo não foi dado até a ressurreição de Jesus. [Jo 7:39, 20:22, At 2:1-4]
O Espírito Santo foi dado antes da ressurreição do Jesus. [Lc 1:41, 1:67, 2:25]

Os samaritanos receberam Jesus?
Não, eles não receberam Jesus. [Lc 9:52-53]
Sim, eles receberam Jesus. [Jo 4:39-40]

Devemos amar ou odiar nosso irmão?
Amar nosso irmão. [I Jo 3:15, 4:20-21]
Odiar nosso irmão. [Lc 14:26]

Quando Satanás entrou em Judas?
Satanás entrou em Judas antes da última ceia. [Lc 22:3]
Satanás entrou em Judas depois da última ceia. [Jo 13:27]

Os discípulos ficaram amedrontados ou se alegraram quando viram Jesus?
Os discípulos ficaram amedrontados quando viram Jesus. [Lc 24:37]
Os discípulos se alegraram quando viram Jesus. [Jo 20:20]

Jesus ascendeu de Betânia ou do Monte das Oliveiras?
Jesus ascendeu de Betânia. [Lc 24:50-51]
Jesus ascendeu do Monte das Oliveiras. [At 1:9-12]

João

Jesus é Deus?
Jesus é Deus. [Jo 1:1, 1:14, 8:58, 10:30, 10:38, 20:28, Cl 2:8-9, Tt 2:13, Hb 1:8, Ap 1:17, 22:13]
Jesus não é Deus. [Jo 8:40, 14:28, At 17:31, I Co 11:3, Cl 3:1, I Tm 2:5]

Quem trouxe Jesus dos mortos?
Ele próprio. [Jo 2:19-21]
Deus o trouxe. [At 2:32, Gl 1:1, Cl 2:12]

Jesus batizou alguém?
Sim. [Jo 3:22]
Não. [Jo 4:2]

Jesus julgará as pessoas?
Jesus julgará todos. [Jo 5:22, 5:27, II Co 5:10]
Jesus não julgará ninguém. [Jo 8:15, 12:47]

Se Jesus testifica a ele próprio, o testemunho dele é verdadeiro?
Não. [Jo 5:31]
Sim. [Jo 8:14]

É possível perder a graça de Deus?
Sim, é possível perder a graça de Deus. [Hb 6:4-6, II Pe 2:20-21]
Não, não é possível perder a graça de Deus. [Jo 10:28, Rm 8:38-39]

Quem enviou o Espírito Santo?
Jesus enviou o Espírito Santo. [Jo 15:26]
O pai de Jesus enviou o Espírito Santo. [Jo 14:26]

Jesus contou tudo aos seus discípulos?
Jesus contou tudo aos seus discípulos. [Jo 15:15]
Algumas coisas Jesus não contou a eles. [Jo 16:12]

Pedro perguntou a Jesus onde ele ia?
Sim. [Jo 13:36]
Não. [Jo 16:5]
Atos dos Apóstolos
Quantos crentes haviam na hora da ascensão?
Haviam quase 120 crentes depois da ascensão. [At 1:15]
Haviam mais de 500 crentes antes da ascensão. [I Co 15:6]

Devemos obedecer as leis dos homens ou a lei divina?
Devemos obedecer a lei de Deus em lugar das dos homens. [At 5:29]
Devemos obedecer as leis dos homens. [Rm 13:1-2, I Pe 2:13]

Os homens que estavam com Paulo ouviram a voz?
Sim, eles ouviram a voz. [At 9:7]
Não, eles não ouviram a voz. [At 22:9]

Mulheres podem ser líderes da igreja?
Sim, elas podem. [At 18:26, Rm 16:1]
Não, elas não podem. [I Co 14:34-35, I Tm 2:11-12]

Romanos
Abraão foi justificado pela fé ou por obras?
Ele foi justificado por fé. [Rm 4:2]
Ele foi justificado através de obras. [Tg 2:21]

É correto amaldiçoar alguém?
Não amaldiçoe ninguém. [Rm 12:14]
É correto amaldiçoar algumas pessoas. [I Co 16:22]

Devemos ajudar os outros?
Sim. [Rm 15:2, I Co 10:33]
Não. [Gl 1:10]
I Coríntios
Toda a Escritura é inspirada por Deus?
Sim. [II Tm 3:16]
Não. [I Co 7:12, 7:25]

Paulo viu Jesus no caminho para Damasco?
Sim. [I Co 9:1]
Não. [At 9:8]

II Coríntios

Paulo foi malicioso?
Sim, ele foi malicioso. [II Co 12:16]
Não, ele não tinha malícia. [I Te 2:3]

Hebreus

Raabe, a meretriz, foi salva pela fé ou por obras?
Ela foi salva pela fé. [Hb 11:31]
Ela foi salva através de obras. [Tg 2:25]

I Pedro

O diabo está preso ou livre para vagar?
O diabo está preso. [II Pe 2:4, Jd 1:6]
O diabo está livre para vagar por aí. [I Pe 5:8]

Fonte: Site Bíblia do Cético