sábado, 8 de fevereiro de 2014

Russo amante de poesia esfaqueia e mata colega defensor da prosa em discussão sobre literatura


Foto: GebPhotography
Uma discussão sobre gêneros literários acabou em agressão e morte na Rússia. Um ex-professor de 53 anos foi preso após esfaquear um amigo depois de uma discussão sobre qual tipo de literatura seria melhor: a prosa ou a poesia? As informações sobre essa discussão com fim trágico são da agência de notícias russa Ria Novosti e foram publicadas pelo jornal Folha de S. Paulo.
Para a vítima, de 67 anos, "a única literatura verdadeira é a prosa", informou a polícia da região de Sverdlovsk. Irritado com a afirmação, o ex-professor, amante da poesia, esfaqueou o colega até a morte. De acordo com a polícia, ambos estavam embriagados no momento da discussão. Para evitar a prisão em flagrante, o acusado fugiu e só se entregou à polícia dias depois da briga, ocorrida na semana passada. Indiciado por assassinato, o homem pode ser condenado a até 15 anos de prisão.
A situação não é inédita. Outro embate intelectual acabou em tragédia na Rússia. Em setembro passado, um homem foi morto a tiros enquanto esperava para comprar cerveja em Rostov-on-Don, no sul do país. Um vizinho de fila ficou irritado com as opiniões do homem sobre o filósofo iluminista alemão Immanuel Kant (1724-1804). Parece que são discussões um tanto exaltadas e irracionais, né? 



Fonte: Site Yahoo Notícias
http://br.noticias.yahoo.com/blogs/vi-na-internet/russo-amante-poesia-esfaqueia-e-mata-colega-defensor-180140884.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário