quarta-feira, 28 de maio de 2014

"O Esperanto unirá a humanidade" - Lázaro Luís Zamenhof (Ludwik Lejzer Zamenhof) 1859-1917


Hoje a postagem é dedicada ao idioma e o alfabeto do esperanto; algumas das suas curiosidades, ou particularidades:

O esperanto foi criado por Zamenhof em 1887 - O alfabeto do esperanto é composto de 28 letras, baseado no alfabeto latino, e conta também com marcas de pontuação, grafemas, números de 0 a 9, sinais com $ e símbolos matemáticos. Seu sistema ortográfico é essencialmente fonético, representado por 21 consoantes (6 oclusivas, 6 fricativas, 3 africadas, 2 guturais, 2 nasais, 1 lateral e 1 vibrante), 2 semivogais (j e u) e 5 vogais. O número de sílabas corresponde ao das suas vogais e o acento tônico recai sempre sobre a penúltima sílaba. Não possui artigo indefinido e o definido é invariável.
Para divulgar o esperanto, Zamenhof escreve um pequeno livro (Unua Libro), em russo, que contém o alfabeto, 16 regras gramaticais - este é o número máximo de regras contidas no idioma -, alguns textos de leitura em prosa e em verso, e um vocabulário. Seguem-se no mesmo ano, edições em polonês, alemão e francês (Dua Libro). A língua ganha seus primeiros adeptos, sendo fundados os primeiros clubes para o cultivo do idioma. Editam-se as primeiras revistas e surgem também livros escritos diretamente em esperanto e traduções de obras de línguas nacionais.
Zamenhof, que ficou conhecido como "O Doutor Esperanto", faleceu em 14 de abril de 1917, deixando para o Mundo a língua "artificial" mais falada e bem-sucedida, com uma gramática simples e de rápido aprendizado.


"Bandeira do Esperanto" - idealizada por Zamenhof.


Unua Libro


Para quem quiser conhecer mais sobre o esperanto, aqui vão algumas dicas de sites e livros:

Francini, Walter. Esperanto sem preconceitos. São Paulo : Associacão Paulista de Esperanto, 1976.

Francini, Walter. Esperanto sen antaujugoj. São Paulo : Associacão Paulista de Esperanto, 1978.

Santiago, Izabel Cristina Oliveira. O que é esperanto : a questão da língua internacional. São Paulo : Brasiliense, 1986.

Liga Brasileira de Esperanto
http://esperanto.org.br/p/


Kurso de Esperanto
http://www.kurso.com.br/bazo/index.php?pt


esperanto.net
http://www.esperanto.net/info/index_pt.html


É muito válido conhecer esse idioma, pesquisá-lo e estudá-lo a fundo. Eu ainda estou no início do aprendizado, mas já começo a elevar o meu nível de compreensão e escrita. Falta-me mais conversação, mas isso vem com o tempo.

Um abraço - brakumo.


Fonte: Blog Bosquejos
http://benedictus-bosquejos.blogspot.com.br/2009/02/o-esperanto-unira-humanidade-lazaro.html

4 comentários:

  1. Saluton Adriano Couto.
    Mi gratulas vin pro via lernado. Antaŭen!
    Amike:

    Pietro
    www.linguainternacional.org

    ResponderExcluir
  2. Saluton Pietro! Esta é a única palavra que aprendi por enquanto meu amigo! estou apaixonado por este idioma e quero aprendê-lo! baixei umas vídeo aulas e duas apostilas de gramática que irei imprimir. Quero manter contato com esperantistas. Grato pelo contato!

    ResponderExcluir
  3. Um bom programa para o aprendizado do esperanto é o Kurso de Esperanto, eis onde você pode baixá-lo gratuitamente:

    www.kurso.com.br

    ResponderExcluir
  4. Acabei de baixá-lo! vou praticar!

    Obrigado!

    ResponderExcluir